Título Original: If I Stay
Autora: Gayle Forman
Ano: 2014
Editora: Novo Conceito
Páginas: 224
Logo que vi o trailer de Se Eu Ficar fiquei louca por esta história, acompanhada pela belíssima trilha sonora então, já era uma leitura certa para mim. Quando a Novo Conceito enfim liberou a data de lançamento eu fiquei de olho, a intenção era ler o livro antes de ver o filme. Resultado? Acabei terminando a leitura do livro exatamente um mês depois do lançamento do filme e agora terei que esperar para vê-lo.
Se Eu Ficar conta a história de Mia, uma jovem de 17 anos que se dedica à música clássica. O livro já inicia quando Mia e sua família resolvem sair para visitar um casal de amigos, porém a viagem não se completa e tem um final trágico. O carro que eles estão é atingido violentamente por um caminhão e Mia lembra apenas de estar escutando a sonata número 3 de Beethoven em seu MP3 player. Após isso Mia se manifesta, numa espécie de projeção de consciência, ela passa a presenciar tudo fora do seu corpo. Mia começa a se dar conta da gravidade do acidente, encontra em meio a neve e aos destroços seu pai e sua mãe, já falecidos e não muito longe dali avista seu próprio corpo, gravemente ferido.
A partir daí, vamos acompanhando junto com Mia os esforços dos médicos para salvar a sua vida, seu resgate, os primeiros socorros, ela sendo levada para o hospital, os processos de cirurgias e sua estadia na UTI. Em coma, Mia não entende por que se encontra neste estado e nem sabe como sair dele, seja para o rumo que tiver que tomar.

“Se eu ficar. Se eu viver. A escolha é minha.”

Entendendo mais um pouco sobre o ocorrido e a situação que se encontra, acompanhamos Mia em uma espécie de conflito interno, começa a medir o que foi sua vida até agora, desde sua infância, sua adolescência, sua opção por música clássica em uma família de rockeiros, sua relação com ela, sua melhor amiga Kim e até sua relação com seu namorado, astro de uma banda de rock, Adam. Mesmo com estilos tão diferentes, foi exatamente a música que une mais Mia a sua família e especialmente com Adam. É pesando todos estes fatores que Mia percebe que depende apenas dela tomar a decisão, se deve lutar por sua vida ou simplesmente ir. Ela aguentaria voltar sabendo que sua família estaria devastada? Ela conseguiria superar? 
Os capítulos são intercalados entre o presente, com Mia lidando com a presença dos seus outros familiares que ali zelam por ela e entre o passado, com os flashbacks de alguns momentos da sua vida. Momentos como conheceu sua melhor amiga, seu namorado, seu sonho de entrar em Juilliard e todas as escolhas que envolvem seu futuro. O que seria dele agora? A morte parece ser o caminho “fácil” para ela, difícil mesmo seria viver e seria ainda mais árduo para aqueles que ficariam.
A narrativa, principalmente nesses flashblacks, apesar de serem bem importantes para o entendimento da história, tornaram ela arrastada para mim. Mesmo o livro sendo pequeno demorei uns 4 dias para finalizá-lo. O clímax realmente é perto do final, quando ela compreende como chegou até ali e como irá ficar depois dali. Esta parte sim, foi a que mais me proporcionou momentos de reflexão, onde consegui analisar todos os assuntos propostos. 
Acho que acabei criando expectativas demais quanto ao livro, ele emociona mas pouco, passa sim uma mensagem importantíssima, mas faltou algo para mim sabe? Li alguma coisa crítica sobre o filme e por ele acompanhar uma trilha sonora linda, juntamente com a boa atuação dos atores, ele consegue emocionar bem mais e eu sinceramente, espero que sim. Talvez o livro não tenha me arrebatado tanto por ter visto apenas a narração e o drama da Mia, talvez, se eu tivesse a perspectiva de Adam tudo seria diferente. Por causa disso anseio pela continuação, Para Onde Ela Foi contará o pós dos acontecimentos do primeiro livro.

Se Eu Ficar fala sobre o amor, perdas, superação e a importância da família e da amizade. É uma história que não será esquecida, mas por enquanto, para mim, se restringe em ser apenas boa. É tocante, o final arrepia, emociona de certa forma mas eu esperava bem mais. Pretendo ver o filme em breve e qualquer coisa eu volto dizendo que mordi a língua.

Confira a duologia Se Eu Ficar:

1. Se Eu Ficar

2. Para Onde Ela Foi

rela
ciona
dos