Título Original: Não Fuja!
Autora: FML Pepper
Ano: 2014
Editora: Amazon
Páginas: 422
Amazon

ATENÇÃO! Esta resenha poderá conter spoilers de Não Pare!, Não Olhe! e Não Fuja!. Clique para conferir as resenhas anteriores.

Ontem quando terminei de ler Não Fuja!, fiquei pensando… como eu vou resenhar esse livro, sem contar muitos spoilers? Tive esse pensamento, pois este livro não é o tipo de livro em que podemos começar falando do seu início, e deixar o detalhes finais para os leitores. Sabem o motivo? Simples… o início do livro, já é tomado de novidades, reviravoltas e revelações bombásticas. Nossa querida Pepper, é especialista em não deixar o pobre do leitor respirar!

Pois bem, vou tentar passar aqui para vocês, o meu parecer geral sobre esse livro, porém de maneira bem genérica, sem entrar muito na história, Ok? Uma boa maneira de expressar meus sentimentos, é colocando tudo em tópicos:
Ele me acomodou lenta e carinhosamente sobre sua cama improvisada no chão e se deitou vagarosamente sobre mim. A excitação em sentir seu peso, presa sob seu corpo grande, firme e musculoso era enlouquecedora.
  1. Adorei conhecer tudo sobre a vida de Nina. Depois de conhecermos bem a fundo a história do Rick no livro anterior, neste, entramos de cabeça na história dela, sua falecida mãe Stella, seu pai, e outras pessoas que sempre a protegeram e deram muito amor. Nina compreende, e recebe todas as respostas para as suas perguntas, mesmo que muitas vezes sejam chocantes. Novos aspectos de antigos personagens são abordados e nessa intensa trama, a ficção segue a vida real, e quem é taxado de vilão, pode tranquilamente ter seu lado heroico.
  2. E o que dizer de Rick hein? Já tínhamos conhecido a história do nosso muso máster bem a fundo no livro anterior, porém, alguns aspectos haviam sido deixado para trás, aspectos estes que vão fazer as estruturas de Nina tremer. Será que realmente todas as atitudes de Rick foram baseadas no amor que nutre por ela? E porque o chamam de “Filho do Diabo”?
  3. E a famosa lenda hein? Todos em Zyrk sabem da lenda, mas será que ela realmente é como foi transmitida ao longo dos anos? Qual a origem dessa lenda? Que divindades estão por trás destes termos?
  4. Cada um dos quatro reinos da terceira dimensão tem o seu líder, e juntos eles formam a mais alta forma de comando de Zyrk. Pelo menos é assim que pensamos… Será que não é necessária uma esfera de poder ainda maior, protegendo os interesses gerais de Zyrk, e não os pessoais de cada líder? Sim, logo no início do livro somos apresentados ao Grande Conselho, e a Sertolin e sua turma de magos, que já de cara se mostram um pouco resistentes a Nina e Rick, devido aos “graves” delitos que eles cometeram.
  5. Todos chamam Nina de “milagre”, mas será que é isso mesmo? Será que ela foi concebida em com carinho e amor entre sua mãe humana e seu pai zyrquiniano? Será que tudo não se trata de uma terrível maldição, na qual Nina e Rick estão destinados a definhar para o bem do povo de Zyrk, e manutenção do equilíbrio entre todas as dimensões?
  6. E Malazar? O terrível Diabo, preso no Vértice. O que será necessário para que ele se liberte, e com ele leve as suas terríveis criaturas, dispostas a tudo para disseminar o terror e pavor por todas as dimensões? Quais são seus reais interesses, e qual o preço a se pagar após um acordo feito com o Diabo em um momento de desespero? 

    O que esperar de diferente quando você se apaixona por sua própria morte?

Bom, estes são os meus principais tópicos, em que tentei não passar muitos spoilers, pois quero que todos os leitores de Pepper tomem os sustos que eu tomei, sintam o alívio que eu senti, e deixem cair as lágrimas que eu deixei. Toda essa loucura e reviravolta na vida de Nina aconteceu em apenas dois meses. Ela aprendeu o verdadeiro significado do amor, e com isso pode passar um pouco do seu aprendizado a todos a sua volta, inclusive a nós, fiéis leitores! Senti diversos sentimentos ao final do livro. Vazio, felicidade, leveza. Não conseguia largar as páginas, e depois fiquei indignada comigo mesma por ler tudo tão rapidamente.
– Sinto muito. – Suas mãos trêmulas seguravam um pequenino punhal e estavam sujas do meu sangue, ainda quente e brilhante.
Essa incrível história vai ficar gravada para sempre na minha memória e coração, como uma das sagas mais incríveis, com mais reviravoltas e com mais lições de vida passadas. Parabéns e obrigada Pepper, por estas palavras, ainda bem que você “parou de dormir, e começou a sonhar”.  Não percam mais tempo, entrem com tudo nessa história!

rela
ciona
dos