Resenha: Três Contra Todos

Título Original: Três Contra Todos
Autor: Deco Rodrigues
Ano: 2013
Editora: Satolep Press
Páginas: 96
Compre aqui

O livro Três Contra Todos do autor nacional Deco Rodrigues fala unicamente sobre uma coisa: amor. A história contará a vida de três pessoas, Rafaela, Eduarda e Lucas, ela começa mais ou menos assim.

Rafaela trabalha em uma gráfica. Foi ali que ela conheceu e se interessou por uma das clientes, Eduarda que por sua vez, sente uma forte atração por Lucas, outro cliente da gráfica e que só tem olhos para Rafaela...complicado? De jeito nenhum. Mas calmem aí! O livro não é um triângulo amoroso, isso definitivamente não se encaixa aqui, o livro aborda o tema poliamor, ou seja, o ato de se relacionar/amar outra pessoa além do seu atual parceiro com o consentimento do mesmo.

A vida desses três personagens é baseada em uma história real, que aconteceu na cidade do autor, Pelotas, Rio Grande do Sul. Antes de qualquer coisa, aconselho, assim como falei na minha resenha de Proibido, que deixem pelo menos aqui, alguns dos tais "preconceitos" de lado e tentem entender um pouco e se deixem afetar pela mensagem que o livro quer passar. Leiam de mente e coração abertos.

Obviamente que não estou afirmando que compactuo com este sentimento, eu nem sei se seria capaz, posso até afirmar que não. Mas o que eu sei é que sempre acreditei no amor, seja na forma, tamanho, cor, ou gênero que ele tiver. E aqui em Três Contra Todos eu pude entender um pouco mais sobre este sentimento. O livro é narrado pelos três personagens, então entender o que se passa com eles é muito mais fácil. O que a princípio começa uma amizade colorida e pura atração, acaba tomando proporções que nem mesmo os personagens esperavam. 

Temos algumas cenas de sexo, mas a mensagem que deve ser passada está lá, se engana quem acha que é apenas uma história de três pessoas na cama. Não! A história vai tomando profundidade e questionamentos como estrutura ideal familiar vem à tona.  Os julgamentos em cima deles começam a surgir, por que além dos três, temos o filho de Lucas envolvido no meio desta relação.

Apenas lamento que o livro é super curtinho, achei algumas cenas bem corridas, e com grandes intervalos de tempo. Acho que existia enredo suficiente para uma história mais prolongada. Aliás, este é um assunto que deve ser mais explorado não só na ficção. A capa é perfeita, condiz perfeitamente com a história

Não me estenderei muito, mas o que falar sobre este final? Emocionante! Indico a todos que queiram entender um pouco sobre poliamor e sobre um núcleo ideal familiar. A mensagem que eu tirei desse livro é bem clara, posso não aceitar na minha vida um tipo de relacionamento desses, mas se um dia vier a conviver com isso jamais julgarei. A sociedade não pode regular relações e onde existe amor verdadeiro existe uma família, seja do tamanho ou forma que for.

Conheça o autor:

Deco Rodrigues é um observador. Do cotidiano, das relações, das cidades, do mundo que gira e se transforma. Natural de Arroio Grande, passou a infância e a adolescência em Pelotas, viveu por uma década na capital até escolher voltar para Pelotas e desenvolver seus projetos pessoais. Apaixonado por gestão de conteúdo na web, foi idealizador do E-cult Mídia Ativa, projeto que valoriza a cultura regional. Deco estreia na literatura com um romance de ficção inspirado em fatos reais, ambientado em Pelotas e que vai mexer com seus sentimentos.
Para saber mais acesse: Site | Facebook

26 comentários

  1. Não conhecia o livro, porém depois da resenha achei bem diferente e interessante a ideia do livro e principalmente a mensagem que ele deixa para o leitor. Que o autor tenha muito sucesso!

    Beijos!
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a mensagem do livro também! O autor está de parabéns! Beijos Joi

      Excluir
  2. Oiee ^^
    Se o livro não fosse tão curtinho eu já teria comprado...haha' Gostei muito da premissa dele, adoro livros que abordam temas como estes ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Dryh e o livro tinha um baita gancho para ter mais algumas páginas...uma pena! =/

      Excluir
  3. O enredo do livro até me interessou, mas confesso que já estou um pouco saturada de ter leituras assim. Digo, sempre com cenas de sexo e triangulos amorosos, não sei. É tudo muito igual, mesmo parecendo diferente.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é um triangulo amoroso Déb posso te garantir. Beijos Joi

      Excluir
  4. Olá Joi...
    Você sempre me deixando curiosa com suas resenhas!
    Me interessei bastante em aprofundar nessa história...

    Beijos
    http://estantedafer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Fê! é justamente isso que a gente quer passar né?! hahaha

      Excluir
  5. Oi Joi!
    Nunca tinha visto esse livro, e confesso, nem essa expressão "poliamor", rs.
    Bem diferente o livro, deixa as pessoas curiosas pra saber como termina!
    Beijos!
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com
    // Sorteio de Natal rolando! //

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Carol fico feliz que tenha pelo menos entendido o que isso significa! Beijos Joi

      Excluir
  6. Oi, tudo bom?
    Não conhecia o livro, achei ele bem interessante!
    Sua resenha ficou ótima!

    Beijos,
    Juh ~ http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá, Joi! Estou de volta, quase de férias, mas já voltando aos trabalhos com o blog! :)
    Imagino que deva ser difícil para o autor vender uma obra como esta sem ser julgado, ainda mais no Brasil que é, para mim, um país ainda bastante preconceituoso. Mas fico feliz que você topou ler e resenhar e fez uma resenha imparcial e muito boa! Beijos!

    www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAhaha sei como é isso Tici! Achei o livro incrível, e passa uma mensagem super positiva! Beijos Joi

      Excluir
  8. Enredo interessante... tô querendo ler um nesse estilo. Abraço!

    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Kemmy com certeza estre é uma ótima pedida! Beijos Joi

      Excluir
  9. Oi Joi, tudo bem?
    Não conhecia nem o livro e nem o autor. Acredito que será uma dificuldade para ele superar os preconceitos que se formaram devido ao conteúdo de sua obra! Eu mesma não leria esse livro mesmo você apontando os pontos positivos do livro. Respeito a diversidade, cada um vive do jeito que acha que deve, mas sou namorada, noiva, e amiga e estou em uma relação de 8 anos, e eu não suportaria uma terceira pessoa de jeito nenhum! Por esse motivo eu não conseguiria ler esse livro!
    Mas mesmo assim desejo sucesso ao autor e te parabenizo pela resenha!

    Beijão ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Maiah, mas ler algo não te faz apoiar a causa ou não, faz tu ter mais informação. Eu sou casada conheço o meu noivo a 10 anos. Assim como você não aceitaria outra pessoa em nossa relação, mas nada me impede que eu tenha o conhecimento que isso existe e é possível.
      Joice

      Excluir
  10. Oi Joi, tudo bem?

    Eu não conhecia o livro, mas, parece conter uma história interessante.
    Parabéns pelo autor, pela divulgação dos autores nacionais, isso é muito importante.

    Beijos

    Sou Bibliófila

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/2014/12/lancamentos-ed-galera-record.html

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/2014/11/fortaleza-digital.html

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/2014/12/lancamentos-ed-galera-record.html

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/2014/12/trilha-literaria-11-twilight-breaking.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Daniel, é uma leitura bem válida, vale a pena! Beijos Joi

      Excluir
  11. Oi Joi, tudo bem?

    Pena que o livro é curtinho. As vezes dá uma super vontade de ler mais daquilo que estamos curtindo. Sou meio chata com livros de conteúdo mais adulto, então não sei se eu leria

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kel deveria ler sim, o teor adulto é bem pequeno viu, a mensagem que o livro quer passar é bem mais ampla ^^ Beijos Joi

      Excluir
  12. oi menina, obrigada pela visitinha :)
    Adorei sua resenha, ainda não conhecia este livro, mas é de se pensar em coloca-lo na lista para 2015 :)
    Bjocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ceiça. fico feliz! E aposto que o autor também! Beijos Joi

      Excluir
  13. Oi, Joi! Me interessei MUITO por esse livro.
    Gosto de livros que abordem temas polêmicos. Talvez por ser psicóloga, sempre me interessei em realmente compreender o comportamento humano sem colocar meu próprio juízo de valores à frente. Acho que assumir não haver apenas uma forma "correta" de amar é o primeiro passo para entender quão complexos podem ser os sentimentos das pessoas.

    Anotei a dica! Lerei esse livro com certeza! Só estou muito curta financeiramente $$$ para adquiri-lo agora.

    Beijos, flor!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fran! Conversa com o autor, tu sabe que o fato de ser blogueira amplia nossa lista de livros, como psicologa acredito que ter sua opinião para ele, vale a pena! Beijos Joi



      Excluir