Entrevista Internacional - Susan Fox

Oi pessoal, é com muita alegria que hoje trago mais uma entrevista para o blog e desta vez internacional! Quando mandei um e-mail para a autora Susan Fox não imaginava que ela seria tão solícita com o meu contato, eu acabei virando ainda mais fã da autora. Susan é autora das séries Wild Ride To Love e Caribou Crossing, ambas lançadas no Brasil pela parceira Editora Única com os nomes de De Repente/Irmãs Fallon e a Saga Caribou Crossing, respectivamente. Vamos conhecer um pouco mais da autora?

Susan Fox (também conhecida como Susan Lyons e Savanna Fox) escreve romances atraentes e contemporâneos. Autora premiada, ganhou diversos prêmios como Gayle Wilson Award of Excellence, the Booksellers Best, the Aspen Gold, the Golden Quill, the Write Touch, the More Than Magic, the Lories, the Beacon, and the Laurel Wreath e também foi indicada ao RT Book Reviews Reviewers Choice Award. Já publicou contos, novelas e romances. Seus livros foram traduzidos para Português, Francês, Italiano, Espanhol e Alemão. Muitos estão disponíveis como áudio books. Susan Fox é canadense, formada em Direito e Psicologia, mas já trabalhou como consultora de informática e editora.
Para saber mais acesse seu site e também sua fanpage no facebook.

(colocarei as perguntas e resposta em inglês e português)

1) When did you realize you wanted to be a writer? And where did this passion come from?
Quando você percebeu que queria ser uma escritora? E onde é que essa paixão vem? 

I was always a big reader of fiction, but I never thought about writing a novel myself. And then, when I was working as a legal editor, a friend gave me the book Writing Down the Bones by Natalie Goldberg. I wasn’t sure why, so I asked him, and he said I was a writer. I didn’t believe him, but then I read the book, it resonated, I did start writing fiction, and here I am now, a multi-published writer. Sometimes friends know you better than you know yourself!

The passion, for me, is about the characters. It’s about bringing interesting characters to life, challenging them, and seeing them grow. It’s about emotions and relationships. So it was natural that I would be drawn to writing romance. The passion is also about the readers. I receive so much pleasure and often enlightenment from reading other authors’ books, and it’s humbling and exciting to know that readers are getting the same thing from books I have written. Every time I get fan mail, I am so thrilled that a reader enjoyed my writing and took the time to tell me.
-
Eu sempre fui uma grande leitora de ficção, mas eu nunca pensei em escrever um romance meu. E então, quando eu estava trabalhando como editora, um amigo me deu o livro Writing Down the Bones da Natalie Goldberg. Eu não sabia por que, então eu perguntei a ele, e ele disse que eu era um a escritora. Eu não acreditei nele, mas então eu li o livro, isso repercutiu, eu comecei a escrever ficção, e aqui estou agora, uma escritora multi-publicada. Às vezes os amigos nos conhecem melhor do que você conhece a si mesmo!

A paixão, para mim, é sobre os personagens. Trata-se de trazer personagens interessantes para a vida, desafiando-os, e vê-los crescer. É sobre emoções e relacionamentos. Assim, é algo natural eu sou atraída para escrever um romance. A paixão é também sobre os leitores. Eu recebo tanto prazer e muitas vezes inspiração das leituras de livros de outros autores, e isso é emocionante e empolgante, saber que os leitores estão recebendo a mesma coisa de livros que eu escrevi. Toda vez que recebo e-mail's de fãs, fico tão emocionada que o leitor tenha gostado da minha escrita que levo um tempo para acreditar.


2) Where do your characters come from? Are inspired by someone close to you? 
De onde seus personagens vieram? São inspirados por alguém próximo a você?

They are almost never inspired by someone close to me. They just come out of my head, by some magical process that’s unique to writers. The ideas that go into creating a character come from a variety of places and I usually can’t pinpoint those sources. When I start to write a book, I often only know a little bit about a character, and then I learn more as I write. During the course of writing a book, I usually need to take some time away from it periodically – like to go for a walk – and reflect about the characters and they gradually become clearer to me.

When I’m writing a series, like with the Caribou Crossing romances, it’s a bit different. One story will typically introduce a character who will appear in a later book, often as the heroine or hero. For example, Um Amor Perfeito is the story of Miriam and Wade’s romance, but it also introduces their daughter Jessica and her best friend Evan. They are the heroine and hero of Um Sonho Perfeito. So in the first book, I had to be careful that everything I said about them would fit with how I wanted them to be when they grew up and appeared in the next book. In Um Sonho Perfeito, I introduce Evan’s mother Brooke – and she is the heroine of the third book. When I started to write the third book, I already knew certain things about Brooke, so I had to be consistent but I also didn’t have to start from a completely blank slate.
-
Eles quase nunca são inspirados por alguém próximo a mim. Eles só saem da minha cabeça, por algum processo mágico que é exclusivo de escritores. As idéias que surgem para criar um personagem vem de uma variedade de lugares e eu normalmente não consigo identificar essas fontes. Quando eu começo a escrever um livro, muitas vezes eu só sei um pouco sobre o personagem, e então vou aprendendo conforme escrevo. Durante o curso de escrever um livro, eu normalmente precisa levar algum tempo longe dele periodicamente - como ir para uma caminhada - e refletir sobre os personagens, assim gradualmente eles tornam-se mais claros para mim.

Quando estou escrevendo uma série, como os romances de Caribou Crossing é um pouco diferente. Uma história irá tipicamente introduzir um personagem que aparecerá em um outro livro mais tarde, muitas vezes como a heroína ou o herói. Por exemplo, Um Amor Perfeito é a história de Miriam e Wade, mas também introduz sua filha Jessica e seu melhor amigo Evan. Eles são a heroína e o herói de Um Sonho Perfeito. Assim, no primeiro livro, eu tinha que ter cuidado para que tudo o que eu disse sobre eles se encaixassem com a forma como eu queria que eles fossem apresentados no próximo livro. Em Um Sonho Perfeito, eu apresento a mãe de Evan Brooke - e ela é a heroína do terceiro livro. Quando comecei a escrever o terceiro livro, eu já sabia algumas coisas sobre Brooke, então eu tinha que ser coerente, mas eu também não tinha que começar a partir de uma lousa completamente em branco.

3) The "Editora Única" did a great job with the covers of Caribou Crossing, when you saw, what was your reaction?
A "Editora Única" fez um grande trabalho com as capas de Caribou Crossing, quando você viu, qual foi sua reação?

"Editora Única" does great covers! I’m particularly happy because the cover for Um Amor Perfeito has very much the same look as they gave the covers for my previous De repente (Fallon Sisters) series. Take a look at the cover of Um Amor Perfeito beside the cover of De repente, o Amor or the cover of De repente, o Desejo and see what I mean. Readers will find it easy to recognize the new series as being by the same author as the previous one. The cover for Um Sonho Perfeito, the second Caribou Crossing book, is lovely, too – so romantic, and such a distinctive color.
-
A Editora Única faz lindas capas! Estou particularmente feliz porque a capa de Um Amor Perfeito tem muito da aparência que eles deram as capas para o minha série anterior De Repente (Fallon Sisters). Dê uma olhada na capa de Um Amor Perfeito ao lado da tampa de De Repente, o Amor ou a capa de De Repente, o Desejo e veja o que eu quero dizer. Os leitores vão achar que é fácil reconhecer a nova série como sendo da mesma autora que a anterior. A capa de Um Sonho Perfeito, o segundo livro Caribou Crossing, é adorável, também - tão romântico, e uma cor tão distinta.




4) What is the main message you wanted to pass in your books?
Qual é a principal mensagem que você quer passar em seus livros? 

I want to show that real people have real problems – and that they can find the strength to deal with those problems and to win their happy ending. For example, in Um Amor Perfeito, Miriam and Wade are the typical young, naïve newlyweds who think that their wedded life will be a bed of roses. But anyone who’s been married know that it isn’t that easy, and it takes a lot of commitment, love, and hard work to make a marriage work. As readers see Miriam and Wade struggle with the issues that come their way, I hope they’ll gain the inspiration and courage to deal with whatever issues life throws in their own paths.

I want to entertain, to provide distraction, to give some laughs and the right kind of tears, and maybe provide some insights. One compliment from a fan that I particularly treasure is this: “It’s a pleasure to find someone who can weave fun with thought-provoking ideas.” 
-
Eu quero mostrar que as pessoas reais têm problemas reais - e que eles podem encontrar a força para lidar com esses problemas e para ganhar o seu final feliz. Por exemplo, em Um Amor Perfeito, Miriam e Wade são os típicos, jovens ingênuos recém-casados, que pensam que sua vida conjugal será um mar de rosas. Mas quem foi casado sabe que não é assim tão fácil, e é preciso muito empenho, amor e trabalho duro para fazer um casamento funcionar. Os leitores verão Miriam e Wade lutando com os obstáculos que virão neste caminho, espero que com isso eles consigam inspiração e coragem para lidar com qualquer problema que a vida jogue em seus próprios caminhos.

Eu quero entreter, proporcionar distração, dar algumas risadas e o tipo certo de lágrimas, e talvez fornecer algumas percepções. Um elogio de um fã que particularmente é um tesouro é: "É um prazer encontrar alguém que possa tecer divertimento com idéias instigantes."

5) Finally, leave a message for your brazilian fans!
Por fim, deixe uma mensagem para seus fãs brasileiros!

I am so thrilled to have my books translated into Portuguese and published in Brazil by Editora Única. Brazilian fans are the best! I have had some wonderful fan mail from Brazilian readers, and a number have visited my Facebook page. It’s so exciting to know that people in Brazil are reading and enjoying my books. I hope that those who have read the Fallon Sisters books will also like the Caribou Crossing series – and that new readers will also give my books a try. Happy reading!
-
Eu estou tão emocionada por ter meus livros traduzidos para o Português e publicado no Brasil pela Editora Única. Os fãs brasileiros são os melhores! Eu recebo e-mails maravilhosos de fãs e leitores brasileiros, e muitos têm visitado minha página do Facebook. É muito empolgante saber que as pessoas no Brasil estão lendo e apreciando os meus livros. Espero que aqueles que leram a série de livros Fallon Sisters também tenham lido a série Caribou Crossing - e que os novos leitores também deem uma chance aos meus livros. Boa leitura!

34 comentários

  1. Oie,
    nossa pode me matar, mas eu nunca li nenhum livro dela e confesso que não tenho muita curiosidade

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Amiga olha eu ainda não tive oportunidade de ler nenhum livro dessa autora, mas estou querendo solicitar pelo menos o primeiro para poder fazer a leitura, pois tenho visto ótimos comentários. Outra coisa, achei super bacana você trazer essa entrevista. Gostaria tanto de entrar em contato com autores internacionais, mas o meu inglês não é DIVINO sabe? hahahaha...Mas acho que eu faria entrevista com a CECELIA AHERN que eu adoro. Pena que eu não sei falar muito o inglês. Enfim...Mas adorei tudo que você colocou. Espero ainda ter a chance de ler os livros dela.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/03/resenha-o-segredo-de-water-castle.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sil, manda um email, pede ajuda de alguém que saiba mais ^^

      Excluir
  3. OMG, que pft *-*
    Parabéns pela entrevista maravilhosa, como sempre arrasando !!
    Conheço os livros da escritora mas ainda não tive a $$oportunidade$$ em ler;

    Beijos
    intoxicadosporlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Aaaaah, que amor! Confesso que não conhecia a autora, mas adoro essas entrevistas! Sempre é bom pegar esses conselhos com quem já tem uma experiência com a escrita! Bjss :*

    www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Joi, muito show a entrevista! O blog está ficando internacional! kkk
    Eu tenho a Série completa das irmãs Fallon, mas ainda não comprei a série Caribou, estou aguardando uma boa promo. Ainda não li nenhum destes livros, mas gosto muito desta autora.
    Ela é muito solícita e atenciosa. Tenho vários marcadores e 1º capítulos que ela me enviou após um bate-papo por e-mail. Merece todo o sucesso e carinho que vem recebendo.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainn Lia é verdade, me apaixonei por ela =D

      Excluir
  6. Oláá! Pulei na cadeira quando vi o nome da autora! Comprei os dois primeiros livros da série mês passado e ainda não tive tempo para ler :(
    Ela é maravilhosaaa! Parabéns pela entrevista!!

    Beijão da Lari <3
    Brilliant Diamond | Fan Page

    ResponderExcluir
  7. OMG, Susan Fox *-----* Simplesmente vomitando corações após ler essa entrevista.
    Os livros dela são incríveis (aquela série De Repente é perfeição) e ela é tão simpática e fofa! Como não amar? <3
    Parabéns pela entrevista! E tragam mais com autores internacionais (eu,a pidona - rs).
    Beijos
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Neyla! Vou tentar ^^ adorei conhecer a autora!

      Excluir
  8. Cara como eu ainda não li nada dessa mulher, olha só como ela é genial.
    Momento arrependimento agora. =(
    Sexo, Fraldas e Rock'n Roll

    ResponderExcluir
  9. Tenho muita vontade de ler a série De Repente! Eu gostei da preocupação dela em mostrar as dificuldades dos relacionamentos e os problemas dos personagens.

    Beijos,
    Bibliotecando com a Cris

    ResponderExcluir
  10. Não li nenhuma obra da autora e confesso que não tenho interesse. Mas para quem é fã, certamente irá amar a entrevista.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 3 ganhadores e você escolhe o livro que deseja ganhar.

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Conheço pouco o trabalho dessa autora, já que os livros que ela escreve não são muito o meu estilo de leitura, mas adorei a entrevista!
    Beijos.
    Memórias de Leiutura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Joi, tudo bem? :)

    Primeiro, parabéns pela entrevista! Que incrível encontrar uma escritora nacional que aceita tão facilmente o contato e que é um doce pra responder as respostas, assim *---*

    Confesso que assim como várias meninas comentaram, não conheço muito bem a escrita da autora e nunca li nada dela... mas, cada comentário tem me deixado mais curiosa *--*

    Beijos! ;*
    Letras Eternas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *escritora internacional - errei =P kkk'

      Excluir
    2. Sim Day, ela foi muito atenciosa, mais que algumas nacionais ^^

      Excluir
  13. Que chique, entrevista com autora internacional, ein! *-*
    Ainda não li nenhum livro dela, e depois dessa entrevista estou mais ansiosa ainda para ler. <3
    beijos
    http://www.apenasumvicio.com/2015/03/resenha-angelina-o-amor-e-o-melhor.html

    ResponderExcluir
  14. Oi,
    Nossa que legal tenho a série da autora aqui em casa para ler e estou mega ansiosa. Acho as capas dos livros dela simplesmente perfeitas.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi, Joi!

    UAL! Que incrível!
    Apesar de não conhecer a série e a autora, achei ótima sua ideia de entrevistar uma autora internacional. Parabéns <3

    Beijos,
    Tia War
    http://voceetaolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Nossa que chique o blog hehe. Ainda não li nada da autora mas se tiver a oportunidade lerei. Achei ela bem simpática. Outro no lugar não estaria nem ai para um blog brasileiro. Parabéns pela entrevista.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  17. Oi, Joi!
    Acredite se quiser, mas nunca li um livro da autora. rs
    Eu achei MUITO legal a sua entrevista, ficou ótima. Adoro quando os autores são atenciosos assim. ^^
    Amei!
    Beijo

    http://canastraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi, Joi!

    A Susan é muito simpática, adorei a entrevista. :)
    Estou muito curiosa para ler as duas séries publicadas pela editora Única. Gosto de histórias assim e as capas estão lindas mesmo.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oii, impressionante a entrevista. Ainda não conhecia a autora, mas acredito que os livros dela sejam muito bons.
    A gente fala muito em divulgar a literatura nacional, mas existem muitos autores estrangeiros novos que também valem a pena a divulgação, né?

    Beijos, O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Rai, ainda mais quando são tão queridos assim ♥

      Excluir
  20. Oi Joi, fiquei super curiosa para ler os livros dela, depois dessa entrevista :D Adorei sua iniciativa, e o post ficou ótimo, parabéns!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
  21. Mas tu tá podendo hen! auhsu Primeiramente parabéns por conseguir essa entrevista. Não conhecia a escritora, gostei bastante da história dela e dos livros!
    http://blogexplicita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi Joi!
    Não conhecia a autora nem os livros, mas que bacana ela ter sido tão solícita.
    Achei bacana saber sobre o processo de criação dos personagens. Acho que as histórias soam muito mais naturais (e verdadeiras) para o leitor quando o autor se permite ir conhecendo o personagens aos poucos durante a escrita e deixar que ele se revele.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, foi super bacana conhecer mais sobre estes personagens, me encantei!

      Excluir
  23. Oi!
    Uau, que chique! Eu sou péssima com nomes e fisionomia de autores, acredita? Quase nunca reconheço os autores em fotos ou coisas do gênero, rs. Não conhecia a Susan Fox e nem seus livros. Lembro de já ter lido resenhas sobre alguns deles, mas acabei não me interessando. Gostei de ela ter sido simpática, rs. Muito bom!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Poxa, que legal a entrevista. Gostei de saber um pouquinho mais sobre ela, mas confesso que não tenho interesse em ler seus livros :/
    Tudo que Motiva

    ResponderExcluir
  25. Que pessoa adorável essa Susan. O que ela respondeu sobre como virou escritora, ganhou meu coração. Ela me encantou em todas as respostas. Maravilhosa!!!

    abs

    ResponderExcluir
  26. Estou lendo a série De Repente e estou amando. Embora as vezes suas passagens sejam redundantes eu gosto muto!!

    ResponderExcluir