Você que curte mitologia nórdica e lendas que descendem dos antigos deuses, entre eles Odin, Thor, Loki e Freyja, Vikings é a sua série ideal. E qual o melhor canal para apresentar todos eles elementos baseados em história real? a History. Vikings não só apresentará toda a cultura deste povo da antiga Escandinávia mas como também apresentará de que maneiras os vikings se tornaram os primeiros exploradores da terra, fato que poucos sabem. Na verdade, o nome “viking” veio depois, para identificar os piratas nórdicos que viraram exploradores e comerciantes. Este povo invadiu, colonizou e explorou grande parte da Europa e sem dúvidas a “era viking” foi uma parte importante da história medieval da região.
Isso é perfeitamente retratado na série de TV criada por Michael Hisrt (The Tudors), que tem como protagonista um dos mais conhecidos exploradores e heróis nórdicos Ragnar Lothbrok (Travis Fimmel) e sua família, composta por sua esposa, a skjaldmö (mulher escudeira que costumava lutar como um guerreiro) Lagertha (Katheryn Winnick), seu irmão Rollo (Clive Standen) e seus dois filhos pequenos, Bjorn (Nathan O’Toole) e Gyda (Ruby O’Leary).
Ragnar é um fazendeiro que vive limitado pelo governante local, o earl (conde) Haraldson (Gabriel Byrne), é ele quem autoriza e financia os saques vikings e para que local cada um de seus barcos devem seguir. Com a região já escassa e com cada vez menos riquezas, Ragnar com o auxílio de uma nova ferramenta de navegação, constrói clandestinamente um outro tipo de drácares (návio viking) com a ajuda de seu amigo Floki (Gustaf Skarsgård).
Com o poder de um navio e com um grupo de companheiros guerreiros, Ragnar parte para terras nunca exploradas e acaba virando o responsável por idealizar as incursões pioneiras à Inglaterra, ele é bem sucedido em seus primeiros saques no reino inglês de Nortúmbria, mas isso não só acaba gerando a inimizade de um dos reis da região como também desencadeia a inveja e o ódio de outros vikings.

A fotografia da série assim como qualquer outra de época, para mim é incrível, a maioria das cenas são gravadas na Irlanda e em território escandinavo como a Noruega, construindo assim, o cenário épico que a série exige. Maquiagem, cabelo, figurino e acessórios também estão igualmente perfeitos e só agregam. É notório a evolução dos personagens e das cenas, comparando os primeiros episódios e os últimos.

Outra coisa que me chamou atenção na série foi a língua padrão imposta ao longo da série, em sua maioria, vemos o inglês falado de maneira diferente, com um sotaque mais rústico, imitando os dialetos escandinavos da época, que podiam ser tanto dinamarqueses ou suecos. Estes também são inseridos para separar a diferenças de culturas nas cenas em que se tem ingleses e vikings conversando. Acho que para quem viu a série, eu não preciso dizer que me apaixonei pela maneira que o Travis fala né, o ator que é australiano.
Desde sua estreia a série só cresceu, atingindo milhões de espectadores. A série se encontra em sua terceira temporada e eu juro que só não assisti ainda a segunda, por que tinha que escrever esta resenha primeiro. A série começa devagar, mas ela vai tomando ritmo ao longo dos capítulos, chegando ao ponto que fique impossível não dar play nos próximos. A classificação indicativa é de 16 anos então a série terá cenas de luta, se preparem para um pouco de violência e sangue, também existem algumas cenas de sexo mas não achei nada exagerado.
Eu indico a série para quem procura várias referências e características em uma série, uma delas é obviamente, a inserção de toda esta cultura nórdica que eu adoro, e outra com certeza é a precisão histórica. Lógico que a série não é totalmente real e fiel a o que realmente aconteceu, e eu sinceramente espero que não, pois quero alguns desses personagens eternizados para mim e com uma conclusão digna, mas só o fato de saber que a maioria desses personagens realmente existiram e fizeram um marco na história, deve intrigar qualquer um.


Vikings

Criado por: Michael Hirst
Com: Travis Fimmel, Katheryn Winnick, Clive Standen
Gênero: Aventura, Drama, Histórico
Duração: 45 minutos – 10 episódios
Lançamento: 2013

rela
ciona
dos