Resenha: O Colecionador de Borboletas

Título Original: O Colecionador de Borboletas
Autor: Cecília Mouta
Ano: 2012
Editora: Novo Século
Páginas: 256
Compre aqui

Hoje, a fofa da Ana Karolini vai aparecer mais uma vez aqui! O livro da vez é O Colecionador de Borboletas da autora nacional Cecília Mouta, vamos conhecer o que ela achou sobre está história incrível?

Quem nunca quis voltar ao tempo para concertar um erro do passado? E se este simples erro mudasse todo seu futuro? Quem não gostaria de reviver algo do passado? Apenas para matar a saudade? Mas e se este "simples" fato arremetesse uma série de consequências no presente? Talvez voltar, não seja o mais recomendável.

Um homem que perdeu a memória pode fazer estas coisas incríveis acontecerem, voltar no tempo e muda-lo. E sem dúvidas este são os acontecimentos mais interessantes e legais do livro. Ter o poder de voltar ao tempo. Durante toda a leitura nós acompanhamos a vida de Nicola que vive algo muito ruim no momento. É um homem que perdeu a memória. Como perder a memória já não fosse ruim o bastante, as vezes ele começa a vislumbrar e lembrar de coisas do passado.

Para o leitor essas são as melhores partes, pois a cada lembrança que ele tem nós conseguimos ligar os pontos e ir entendendo melhor o que já aconteceu na vida desse homem, que no inicio do livro fica um pouco "apagado" para quem lê. Já para Nicola, ter essas lembranças pode ser um pouco ruim pois o perturba não saber muito bem do que elas se tratam e quando ele poderia ver tudo de uma vez e recuperar toda sua memória que já era perdida a um bom tempo.


Agora falando da escrita. Ela é simples, mas é aquela escrita simples recheada de talento. Você lê rápido o livro, mas não só por que ele é curtinho, mas por que você é levada a isso. O jeito que ela escreve te chama atenção, e quando você vê, você já está quase no final do livro descobrindo tudo que aconteceu com Nicola. E o final, é espetacular.

"Voltei a sentar- me na cadeira e tirei a mão dos ouvidos; estavam sangrando um pouco. Nada havia acontecido. Olhei para a caixinha de novo. Lá dentro tinha uma borboleta verde. Tampei a caixinha para conservar a borboleta. Foi então que a memória veio."

Todo final de livro, nós queremos aquela frase que fecha, aquela frase que marque o livro como ele deveria ser marcado. E nos temos isso em O Colecionador de Borboletas. Apenas lendo todo o livro vocês vão poder entender como essa última frase dá o toque final ao livro, deixando ele mais emocionante ainda. 

A capa do livro também é linda. Não é o tipo de capa que eu costumo comprar (pois sim, eu julgo o livro pela capa). Ela é em um tom de verde muito bonito, com uma borboleta da mesma cor na frente e vemos algumas rachaduras atrás dela. Essas rachaduras no caso seriam o local onde a borboleta fica, mas se você ler o livro vai começar a ve-la de um outro modo, um modo mais significativo que dá outro rumo e outro pensamento em relação a história que a Cecília Mouta nos apresentou.


No livro você não encontra apenas Nicola. Temos também outras e outros personagens importantes que de inicio não parecem que vão fazer alguma diferença, mas depois tudo muda, então fiquem ligados nestes personagens. Para quem lembra do filme protagonizado por Ashton Kutcher, Efeito Borboleta vai se sentir muito familiarizado pelo enredo e para quem gostou do filme a leitura está mais do recomendada.

Agora para fechar tudo, eu diria que o livro é incrível. No inicio eu tinha receio de ler. Pela sinopse, não chamava muito a minha atenção, contudo comecei a ler e isso logo mudou. Esse livro é bom para abrir os olhos e prova que os autores brasileiros tem muita histórias de qualidade para contar. Infelizmente, ainda existe um certo preconceito contra os autores nacionais, mas ainda bem que Cecília está aqui para demostrar todo este talento.



Conheça a autora:
Cecília Mouta Guimarães nasceu no dia 7 de Maio de 1993 em uma pequena cidade do estado do Rio de Janeiro, onde viveu até a adolescência. Atualmente mora na cidade do Rio de Janeiro e faz sua graduação na Pontifícia Universidade Católica (PUC). Desde nova sempre mostrou grande interesse em escrever. Além de poesias, escreve romances e compõe músicas. Toca violão e estuda piano na Fundação Villa Lobos. "O Colecionador de Borboletas" é seu romance de estreia.
Para saber mais acesse: Facebook

33 comentários

  1. Gosto muito de literatura nacional, é uma pena que não é muito valorizada. Assim como você a sinopse não me chamou atenção, mas sua resenha me fez mudar o ponto de vista sobre o livro, parece ter uma narrativa incrível. E para um livro ser bom não precisa ter uma escrita elaborada né?! Fiquei curiosa para saber o desfecho do livro!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que a resenha tenha te influenciado positivamente Lara ^^

      Excluir
  2. Oi Joi, achei muito bacana a premissa do livro, bem diferente e interessante. Fiquei muito curiosa para conhecer mais da história, afinal, que nunca quis voltar no passado para consertar um erro?

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Kétrin, acho que é o desejo de muita gente!

      Excluir
  3. Que livro incrível, esse é um dos poderes que eu sempre gostei muito, e a autora teve essa idéia toda, de uma forma mais brilhante possível.
    Sexo, Fraldas e Rock'n Roll

    ResponderExcluir
  4. Tudo que envolve viagens no tempo me fascina essa é a verdade... só de saber que o livro tem um pouco disso já me deixa com uma curiosidade imensa... e saber que é um livro nacional.. haa isso não tem preço... eu fico muito feliz em ver os autores conquistando cada vez mais espaço.. e publicando essas maravilhas..

    ResponderExcluir
  5. Meu Deus ela tem a minha idade e já escreveu um livro tão bom!
    Isso me faz sentir vergonha de mim mesma, cara! hahaha
    Mas sério o livro parece incrível. Amo estórias com esse ar de suspense e é incrível como aquela carinha de menina nova da foto foi quem escreveu!

    Beijos
    O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
  6. Capa lindaaaaa
    Eu já tinha visto esse livro no Skoob e logo adicionei à minha estante. Mas ainda não tinha lido nenhuma resenha, acredita??
    Adorei a sua! Fiquei com ainda mais vontade de ler!!

    ResponderExcluir
  7. Oie! Adorei a proposta do livro, e a capa é maravilhosa (apesar de eu ter uma mini fobia de borboletas, hahaha). Parece ser uma história que flui bem, e que prende bem também, melhor tipo de livro!

    Beijos,
    http://www.girlfromoz.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo Carol hahaha mas a borboleta é bem essencial no livro e tbm nas teorias de volta ao passado e consequências, é muito legal!

      Excluir
  8. Gosto muito da literatura nacional e achei muito bonita essa capa. A temática me lembrou muito Hindsight (uma das séries amorzinho desse ano!), achei bem curioso uma pessoa que perdeu a memória poder fazer isso, e bom também, pois faz as coisas sem remorso :P

    Blog: Dei um Jeito

    ResponderExcluir
  9. Tenho me impressionado com as histórias dos autores nacionais, elas são tão boas ou até melhores que as estrangeiras. Não sabia da existência desse livro até agora, já assisti o filme efeito borboleta e gosto muito, o que me faz pensar que iria gostar dessa história também.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Oie =D

    Ai que legal! Não conhecia este livro, e achei a premissa muito interessante.
    E ainda mais com sua resenha, estou bem curiosa sobre este livro! Quando surgir uma oportunidade lerei, com certeza! Ótima resenha!

    Beijos,
    Livy
    nomundodoslivros.com

    ResponderExcluir
  11. Nunca tinha ouvido falar no livro mas só pela capa já fiquei com vontade de ler e saber que é um ótimo livro nacional me animou ainda mais ^^

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir
  12. Oi Joi! Você tem razão sobre o preconceito das pessoas em relação a autores nacionais e a sua forma de escrever os livros, pois acho que podemos sim ter grandes revelações nesse Brasil! É sempre bom fazer novas descobertas.
    Eu já tinha visto falar do livro antes, mas nunca me interessei em ler resenhas sobre ele.
    Percebi um drama, um meio suspense logo de cara, mas isso infelizmente chama pouco a minha atenção, pois não me relaciono muito com o gênero.
    Mas achei bastante interessante a estória em si, as visões que a personagem tem, o seu modo de lidar com elas e a importância da participação das outras personagens na história de Nicola.
    Mil Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Débora, quem escreveu a resenha foi a Ana! =D mas mesmo assim tu tens razão em tudo que disse, nacional tem se fortalecido! e nós leitores, amando né?! hahaha

      Excluir
  13. Pela resenha parece bastante com Efeito Borboleta mesmo. Eu leria, pois gostei bastante do filme (depois que assisti pela segunda vez). E a capa é legal, apesar de eu detestar borboletas haha

    ResponderExcluir
  14. Nunca tinha ouvido falar deste livro, mas compraria pela capa (risos). Após ter visto sua opinião perante a história, acho que realmente pode ser um livro bom e que me chame a atenção. Só não sei quando poderei adquiri-lo hehehe então por enquanto fico só nas resenhas mesmo.
    Abraços,
    ;-)
    Blog Frases, Trechos e Pensamentos

    ResponderExcluir
  15. Oi Joi e Ana, tudo bem com vocês ???
    Assim que eu comecei a ler a resenha eu pensei: "nossa, mas esse livro parece muito com o filme Efeito Borboleta", e no final foi bem isso que a Ana comentou !!! Confesso que não gostei muito do filme em si, mas sim das teorias e tudo o que está ligado ao que o filme tentou passar, por esse motivo me interessei muito pelo livro.
    Saber que a leitura é bem fluida, que a escrita é simples, mas que a história é ótima é um ponto forte para o livro. Com certeza eu leria o livro !!!

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir
  16. Noossa, super me identifiquei agora ,mas uma que julga o livro pela capa.. Logicamente oq emociona ou não é o conteúdo, mas a capa tem um charme todo especial.. A propósito, tenho que concordar que ela é linda , assim como suponho que a história em si tbem o seja pelo que a resenha apresentou.. Já tive um certo preconceito em relação a autores brasileiros , mas me arrependo pelos que ainda não li , pq tem muita gente boa se revelando nesse meio.. Que apareçam mais e melhores sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo ♥ please mais nacionais incríveis para a gente! hahaha

      Excluir
  17. Oi Joi <3 Adorei a resenha... Já ouvi falar bastante da autora e da obra, mas só agora entendi do que se trata a história, de fato.
    Achei a premissa muito bacana e assim como você, também julgo um livro pela capa.
    Mas esse seria um que eu compraria com os olhos, fato!! hahaha
    Beijão ♥

    Thati Machado;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É difícil não julgar né Thati, mas é ótimo quando nos arriscamos e somos surpreendidos tbm!

      Excluir
  18. Ameeeei a premissa que o livro passou! ja copiei o nome aqui num caderninho de livros para pesquisar mais sobre, pq acho que promete ser um daqueles que me prende. Adorei a capa, e virou ate um cliche esse estilo sempre usar borboletas kkkk

    ResponderExcluir
  19. Não conhecia, mas me interessei, no começo da resenha eu pensei que se parecia muito com o filme efeito borboleta, mas quando li que ele não tinha memórias me interessou ainda mais. Achei a ideia dele voltar e mudar o futuro uma ideia muito legal, então ele ira para a minha lista de livros que quero ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Brenda, o fato dele não ter memórias é um plus, ele não tem nada a perder saca?! hahaha mto bom!

      Excluir
  20. Não conhecia nem o livro e nunca tinha ouvido falar na autora, mas super me interessei pela obra! A sinopse me interessou e sua resenha mais ainda! Ficou muito boa.
    Diferente de você, esse é exatamente o tipo de capa que me atrai! xD
    Achei maravilhosa e terei na minha estante! :D

    Infinitos Livros

    ResponderExcluir
  21. Oi Joi!
    Achei bem interessante. Me lembrou muito o filme "Efeito Borboleta", mas não sei se o livro iria me cativar. Eu prefiro romances, mas quem sabe uma hora eu não compro e leio, né?
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  22. Hello!
    Super apoio o trabalho de autores nacionais, temos que dá uma força para eles mesmo!
    Sobre o livro, adoro essas coisas de voltar ao passado e mudar o futuro, incrivel como uma coisinha q vc faz lá trás muda tudo. Animei de ler esse livro depois que li a resenha.
    Também sou dessas que julga o livro pela capa, haha.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzzy é incrível como todo o livro/filme que fala sobre isso, indiretamente prega que não se deve mexer no passado, que nossos destinos caminharam pelo caminho que tinha que seguir. Adoro estas teorias ^^

      Excluir
  23. Oiii.
    Adoreiii a resenha, muito bem escrita.
    Não conhecia o livro e nem a autora, mas eu gostei.
    Adoro esses personagens que perdem a memoria kkkkk volta ao tempo. É muito legal.
    Ameiii mesmo e quero ler.
    Beijos

    Coleções Literárias

    ResponderExcluir