Título Original: The way you look tonight
Autora: Bella Andre
Ano: 2014
Editora: Novo Conceito
Páginas: 272
Compre aqui
– postada originalmente por mim no Livros e Chocolate Quente.
O primeiro livro que li da série Os Sullivans foi o último, Em meus Pensamentos. Eu logo me apaixonei pela família e fiquei muito feliz quando descobri que a Novo Conceito lançaria outras histórias dos Sullivans, uma nova série que eu poderia acompanhar desde o começo. Nesta série, a autora contaria os romances dos primos da primeira família. 
Parece confuso, mas não é! Para dar início e fazer uma pequena introdução da nova série, a autora publicou um conto de nome Uma Noite Perfeita. Confira a resenha. Neste conto, somos indiretamente, apresentados a Rafe e Mia Sullivan, e em O Jeito que me Olha será o livro Rafe e agora conheceremos sua história.
Rafe é um detetive particular muito bem-conceituado em sua área, porém, como toda carreira sólida ele já estava assombrado pelos contras do seu trabalho. Uma grande fatia do faturamento da empresa era das investigações de relacionamentos infiéis e Rafe já não suportava descobrir que grande parte dos seus clientes não se respeitavam mutuamente. Aos poucos Rafe perdeu totalmente a fé nos relacionamentos, o modificando como pessoa.
Do garoto cheio de vida ao homem frio que duvidava de tudo e de todos. Chegando ao seu limite e precisando de férias, Mia, sua irmã mais nova, “sugere” que ele compre a antiga casa da família, casa esta, onde ele passou muitos verões e curtiu grande parte da sua infância. Afinal, que mal faria um pouco de descanso e esquecer sua rotina triste não é mesmo?

Chegando na casa de verão, Rafe reencontra sua antiga vizinha e amiga, Brooke Jansen e junto com ela, Rafe reencontraria grande parte da sua inocência. Brooke não era mais aquela garotinha doce e meiga que vivia brincando com ele e seus irmãos, assim como ele, Brooke agora era uma empresaria com a fabricação própria de trufas e chocolate, legado deixado por sua avó.

“Ela estava cansada de se preocupar com se machucar por ter feito a escolha errada.”

Brooke é uma linda mulher e ela sempre supriu fortes sentimentos por Rafe, mesmo agora depois de 17 anos. Como sempre viveu uma vida baseada nas expectativas dos pais, e não querendo mais deixar de aproveitar sua vida da melhor maneira possível, Brooke vê com a chegada de Rafe uma oportunidade de ser mais selvagem e arriscar mais. Ela propõe um caso de verão, sem cobranças, apenas diversão ao lado de uma pessoa que ela confiava cegamente, e o melhor, seu amigo.

Rafe luta contra esta atração e tentar convence-la que seria melhor continuarem amigos como sempre foram, porém mal ele sabe que parte desse relacionamento, mesmo iniciada com descaso seria parte do início da sua cura como pessoa.

Bella Andre manteve sua escrita fluida e direta, o que faz com que a leitura seja sempre rápida, não se apegando a detalhes desnecessários, entretanto, por vezes me senti confusa para imaginar algumas cenas. Por enquanto a segunda série não me convenceu, eu não sei se a criatividade dela terminou com os livros anteriores, mas de jeito nenhum o livro carrega a profundidade que Em meus Pensamentos carregou, por exemplo.
Devo salientar que para quem já estava com saudades dos Sullivans da Califórnia, eles aparecem em pontinhas neste livro, então esperem por que nos próximos volumes teremos mais deles. Aos pouquinhos a autora também introduz a presença dos outros irmãos de Rafe que são apenas quatro, e é claro, desde o início do livro já sabemos que a próxima sequência será de Mia, já que ela parece estar machucada com algo, e esconde de toda sua família.

Resumindo, eu acreditei nos motivos de Rafe, e entendi suas feridas, mas a sua desconfiança e neura com trancas, fechaduras e segurança me pareceu exagerada. Infelizmente, a autora perdeu duas estrelas comigo, ela repetiu muitas palavras e frases, apenas para ter certeza que o leitor iria captar seu ponto de vista e deixar claríssimo os sentimentos dos personagens.

Apesar disso, eu continuo levando fé nela e vou continuar acompanhando a série, tenho certeza que Mia terá uma história tocante por trás de toda sua autoconfiança e eu estou louca para desvendar seus segredos, só espero que não seja nada repetitivo ou parecido com a história de Lori.
Mesmo um pouco mais fraco, a mensagem de O Jeito que me Olha é clara, sempre se deve confiar no amor, mesmo quando seu coração já está desacreditado e calejado. A vida é uma só para ser desperdiçada. Indico a todos que procuram uma leitura de entretenimento com muito pouco de profundidade. Todos os livros da série, podem ser lidos individualmente então se joguem, sem medo!

Confira a série Seattle Sullivans:

3. Apenas Para Estar Com Você

4. O Jeito Que Me Ama

5. Tudo Que Preciso é Você

rela
ciona
dos