Título Original: Tell Me Three Things
Autora: Julie Buxbaum
Ano: 2016
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Compre aqui
Jessie Holmes acaba de se mudar de Chicago para Los Angeles. Seu pai resolveu se casar novamente, com uma moça que Jessie nunca nem chegou a conhecer.
Ela está muito infeliz por ter deixado sua melhor amiga para trás e por ter que ir morar em um lugar que não pode chamar de lar. Porém, após uma semana frequentando a escola nova, Jessie recebe um e-mail de alguém que se intitula “Alguém Ninguém”, que se oferece para ajudá-la a enfrentar a escola e os primeiros dias sendo a novata.
Jessie se sente tão desajustada à nova vida com seu pai que nunca para em casa, a madrasta estranha e o meio-irmão mal-humorado nunca falam com ela, então acaba aceitando os conselhos deste estranho. Com o passar do tempo ela vai se identificando cada vez mais com ele e quer saber quem é a pessoa por trás dos e-mails úteis e divertidos, mas Alguém Ninguém prefere manter o anonimato, o que deixa a garota cada vez mais confusa e interessada.
Que livro é esse? Sério! Nunca pensei que fosse gostar tanto desse YA quando o vi no catálogo de lançamentos da Arqueiro, mas ele é simplesmente sensacional!

A autora escreve de um jeito muito divertido e entende exatamente o que é ser uma adolescente enfrentando grandes mudanças, isso tudo sem a presença e os conselhos da mãe. Apesar de Jessie estar irritada e magoada com a decisão do pai, de se mudar e se casar novamente sem nem ao menos perguntar a opinião da filha, Jessie tenta de todo jeito levar a vida e se adaptar.
Mas como todos sabemos o ensino médio nem sempre é uma maravilha, então, esta pessoa misteriosa, Alguém Ninguém, é essencial ao dar dicas para facilitar a vida de novata na escola onde todos se conhecem desde bebês.
A história possui várias referências a poesia, o que eu achei um toque bem especial da autora Julie Buxbaum. Me envolvi completamente com o livro e terminei a leitura após dois dias, porém, se eu pudesse ler ininterruptamente tenho certeza de que teria terminado até mais rápido!
Créditos da imagem O Outro Lado da Raposa

Outro ponto interessante é que a autora toca em temas dramáticos, mas faz isso de um jeito crível. Nos apaixonamos pelos personagens, eles têm seus defeitos e qualidades e por isso são tão bem construídos. Ao mesmo tempo a trama é leve e possui situações engraçadas, que trazem o equilíbrio necessário para que o livro não fique denso demais.

A capa tem todos os elementos essenciais da história e as ilustrações são lindas. Achei poucos erros de revisão da edição, mas o enredo conseguiu ofuscar todos eles. Achei a fonte um pouco pequena, então não recomendo ler ele no ônibus ou em movimento. Mas fora isso o trabalho da editora ficou muito bom! Recomendo a leitura para fãs de autores como Jenny Han, Huntley Fitzpatrick ou Stephanie Perkins. Enfim, esse é um YA com drama, diversão e um lindo romance!

rela
ciona
dos