Michelle Obama, desde os primeiros momentos de sua trajetória já foi compreendida e reconhecida pelos papéis de filha, garota estudiosa, universitária, advogada, mãe de duas garotinhas, esposa, primeira dama e muitos outros exemplos de denominações que, embora exemplifiquem algumas de suas atividades ao longo da vida, não são capazes de demonstrar quem essa mulher encantadora, de sorriso contagiante, impulsionada por uma coragem e determinação cativantes e motivada por princípios dignos de nota realmente é. Aos meus olhos ela sempre foi uma grande inspiração, uma  verdadeira professora que, embora distante  milhas e milhas de minha realidade, foi capaz de motivar e instigar minha mente a observar o mundo por meio de outros olhares, nunca aceitar a primeira resposta como certa e, principalmente, reconhecer que temos muito o que aprender uns com os outros.

Mesmo quando não é bonita ou perfeita. Mesmo quando é mais real do que você gostaria que fosse. Sua história é o que você tem, o que sempre terá. É algo para se orgulhar

Por me inspirar profundamente e admirar com todo o coração o trabalho que essa mulher realiza, me vi entre o grupo de leitores que vibraram com o anúncio de que a Companhia das Letras iria publicar a versão traduzida de Becoming, título original que, assim como Minha História, representa de maneira bela e profunda a essência de toda e cada palavra redigida por Michelle ao longo deste livro. Este é um relato de sua trajetória de vida, é sua história transformada em palavras e expressa em páginas para que o mundo tenha a oportunidade de conhece-la, mas também é uma tentativa de delinear o processo de tornar-se Michelle Obama, não a mãe, primeira dama, advogada ou esposa, mas Michelle Obama, com todos os seus defeitos, virtudes, pontos altos e baixos e, principalmente, com tudo o que a vida lhe ensinou e somente ela é capaz de transformar em lições e mensagens ao leitor.

E lições, ensinamentos, aprendizado e mensagens não faltam neste livro. Ouso dizer que esta mulher sabia desde o início que um livro de histórias, sejam estas de ficção ou não, não faz o menor sentido se não for capaz de transmitir alguma lição ou mensagem ao leitor, se não proporcionar reflexões, se não tocar nossa alma e mostrar o mundo de uma forma totalmente nova. Com mãos habilidosas e um cuidado profundo a trajetória de Michelle Obama se interliga à uma porção inimaginável de mensagens e reflexões sobre a vida, o mundo e até mesmo sobre política. Ao relatar os dias felizes da infância vivida num pequeno apartamento da cidade de Chicago, ela não perde a oportunidade de inserir dados sobre a cidade, contextualizando assim uma realidade que ainda não tivemos a chance de conhecer. Ao abordar a história de seus familiares ela não deixa de relatar a narrativa segregacionista dos Estados Unidos, o sofrimento de toda uma comunidade que, infelizmente, ainda hoje encara desafios e perseguições irracionais. Ao delinear as dores e alegrias de seu próprio percurso, ela nunca ignora o leitor, estendendo assim reflexões para que possamos nos conectar ainda mais com cada momento que esta mulher maravilhosa vivenciou.

Para além dos episódios que marcaram a trajetória de Michelle Obama. Se existe algo que preciso destacar além das belas mensagens e ensinamentos que seguem desde o relato acerca dos primeiros suspiros e brincadeiras de sua infância, passando por seu relacionamento com os pais e irmão, ingresso na universidade e curso de direito, casamento com Barack e em seguida a entrada na vida política, é a forma simples e impecável com que Michelle desmistifica a política. Ela trata as mentiras, fofocas, princípios éticos e morais, embates e partidos com muito respeito, mas, acima de tudo, com visão crítica, estendendo ao leitor a oportunidade de perceber as nuances entre discursos belos que anseiam por votos e a vontade de colocar em prática medidas de mudança. Aqui observamos o pensamento mesquinho de um partido que busca impedir ações e leis importantes somente por ser contra a posição do outro. Aqui compreendemos que nem sempre as respostas são verdadeiras, que a cobertura da mídia pode estar carregada de intenções e posicionamentos de terceiros, que, antes de assumir por verdade uma postagem, reportagem, comentário ou imagem, faz-se necessário empregar a interpretação, reflexão e criticidade, caso contrário nos tornamos meras marionetes.

Com escrita acessível, cativante, encantadora e verdadeiramente disposta a transmitir ensinamentos, lições e mensagens ao leitor, esse livro cumpre com aquela que sempre acreditei ser a principal missão das histórias. As palavras de Michelle Obama nos fazem refletir sobre a realidade e buscar novos meios de modifica-la, elas nos tocam e cativam, por vezes nos fazem derramar lágrimas e em outras nos fazem tremer de raiva com as injustiças do mundo, existem momentos em que teremos um sorriso no rosto e um calorzinho no peito, mas acima de tudo, teremos a trajetória de vida de uma mulher incrível que superou obstáculos, decepções, desafios e a própria dúvida de que seria capaz. Por isso e tudo o que optei por guardar perto de meu coração, Minha História é um livro para ser lido e sentido com a certeza de que o fim da jornada nos transformará, além de trazer novo folego para enfrentar o mundo, a vida e os desafios que devemos enfrentar juntos para construir uma realidade melhor para todos.


Título original: Becoming
Autora: Michelle Obama
Tradução: Débora Landsberg, Denise Bottmann, Renato Marques
Ano: 2018
Editora: Objetiva
Páginas: 440
Amazon

rela
ciona
dos