Resenha: Black Para Sempre

Título Original: Forever Black
Autora: Sandi Lynn
Editora: Valentina
Ano: 2015
Páginas: 256
Compre aqui

Provavelmente você já deve ter ouvido falar sobre alguma história, cujo um dos protagonistas é um milionário, CEO de uma multinacional, de sobrenome marcante e é claro, jovem, lindo e misterioso. Então, o que posso dizer é que em Black Para Sempre a mocinha é diferente. Nesta resenha falarei por que Ellery Lane foi capaz de conquistar Connor Black e eu.

Kyle, namorado de Ellery, resolve deixa-la. É assim que começamos a conhecer a vida de nossa pequena e grande protagonista. Ela precisa se adaptar ao abandono do namorado depois de quatro anos de relacionamento. Por noites ela se permitiu sofrer, mas estes dias estão contados depois que sua melhor amiga Peyton a arrasta para a noite, em busca de diversão, mas o que ela encontra...é muito mais que isso.

Aperte o play!
Na boate em que estão, Ellery nota uma discussão no canto do bar, e sem querer acaba prestando atenção em um dos envolvidos. Para sua surpresa, no final da noite, ela percebe os seguranças do estabelecimento expulsando o mesmo homem que estivera brigando mais cedo no bar. Visto que ele não consegue nem sequer ficar em pé de tão bêbado que está, sem pensar duas vezes, ela resolve ajuda-lo.

Foi difícil, mas ela consegue levar o tal homem são e salvo para a sua cobertura (para seu espanto). Porém, como estava tarde ela acaba dormindo por ali mesmo, na casa do bêbado, rico, misterioso e desbocado. Na manhã seguinte, ao acordar, ela se depara com aquele belo homem, acordado e a olhando com uma cara de poucos amigos. Seu nome? Connor Black.


Para um primeiro encontro (não tão encontro assim) para lá de estranho, estes dois já começam soltando faíscas. Connor já coloca suas garras de milionário esnobe de fora e Ellery responde tudo a altura. Ele deveria agradece-la por ter o ajudado, já que o mesmo poderia muito bem ter morrido com o próprio vomito enquanto dormia. Depois de uma conversa bem ácida, Ellery vai embora sem levar desaforo pra casa, não acreditando no que tinha presenciado, mas não antes de dizer seu nome.

O inusitado encontro entre estes dois cabeças duras despertou o total interesse de Connor em Elle. Afinal, não era todo mundo que tinha a audácia de trata-lo daquela maneira tão insolente. Mas além disso, eu vou dizer o que mais o deixou envolvido. Pelo pouco de tempo que Connor passa com Ellery, ele conseguiu perceber toda a ousadia que habitava naquela mulher, ela havia entrado e dormido na casa de um desconhecido e ainda mais, tinha o ajudado. Pelas poucas páginas que lemos, conforme vamos evoluindo na história, captamos vários dos traços da personalidade de Ellery.

"Ele olhou para mim com um olhar estranho em seu rosto, e fez algo que eu nunca pensei que Connor Black faria. Ele deitou ao meu lado e olhou para o céu. Olhei para ele, enquanto ele lutava para manter seus olhos abertos, com a chuva atirando em seu rosto, um pequeno sorriso cruzou meus lábios. – Por que você está fazendo isso? – Ele perguntou, se virando e olhando para mim. – Porque eu posso deitar aqui e ninguém vai saber que eu estou chorando.”

Ela é independente, segura, confiante e destemida. Nada a abala. Conforme o relacionamento e a amizade de ambos vai crescendo (é obvio que não ficaria só nisso né?!), vamos captando outros pontos positivos e encantadores que Ellery leva na sua vida. Ela vive o agora, da melhor maneira possível, ela realmente se joga sem medo e nada nem ninguém consegue persuadi-la do contrário. Mas antes de qualquer coisa, Ellery carrega uma bondade sem fim no seu coração.

Toda esta vida desregrada encanta Connor, que tem uma realidade totalmente diferente. Mas o mais legal de tudo é ver o homem carrancudo do começo do livro, amolecer pouco a pouco acompanhando cada pequena aventura que Elle se mete. É o início de uma relação intensa, tensa e sem freios, onde o mocinho faz de tudo para estar perto da mocinha e protege-la e a mocinha faz de tudo para continuar indomada.


Mas como tudo tem uma explicação, existe uma, para cada um ser de sua maneira. Por que Connor, é tão frio e grosso? Por que ele não fala sobre relacionamentos e não pensa em construir uma família? E por que Ellery vive tão intensamente? Do porquê ela parecer carregar cicatrizes do seu passado e esconde-lo a sete chaves? Os segredos de ambos os personagens são totalmente originais e isso e as motivações de cada um me atraiu ainda mais para a leitura.

"Senti uma tristeza enorme ao ler essas palavras, mas era tarde demais. Sabia o que precisava fazer agora - provavelmente, o que devia ter feito logo no começo, antes de que Connor Black entrasse na minha vida."

Como nem tudo são flores, existiram pontos negativos na obra. Achei que a autora explorou muito pouco esses segredos, que eram sem dúvidas, o diferencial na obra. Quando ela teve a oportunidade de explicar mais sobre, foi algo muito superficial, e ainda mais quando o foco era Connor. Depois da metade do livro, um outro fato me incomodou um pouco, a velocidade que os acontecimentos se desenvolviam, isso me assustou. 

Apesar disso, a verdade é que Sandi Lynn vai direto ao ponto, sem delongas, o que não deixa de ser um ponto positivo. Como se trata de uma trilogia, e o próximo livro, Você Para Sempre contará a versão dos fatos através da narrativa de Connor, quem sabe tenhamos mais explicações certo?! Tomara! Tirando isso, é um livro gostoso de ler, tem a dose certa de tudo, humor, amor, sensualidade e drama. E tudo isso numa leitura rápida e fluída. 

Tenho certeza que Connor Black vai te conquistar com a maneira que ele se molda a Ellery, a maneira que ele se rende sem medo. Mas tenho certeza absoluta que Ellery vai te emocionar, vai te fazer repensar muito de alguns valores, e principalmente te esfregar na cara o valor da vida. Ela sim, é prova de quem já sentiu na pele, as formas que a vida encontra para nos dar segundas chances. De forma inesperada, assim como começou, Black Para Sempre termina e você vai perceber que Connor e Ellery te guiaram por um caminho enlouquecedor, intenso e cheio de amor.

Para assistir o booktrailer, clique aqui!

42 comentários

  1. Oi, Joi, tudo bem?
    Eu adoro romances e faz tempo que não leio esse gênero. Eu já havia ouvido falar desse livro, claro, mas não imaginei que fosse tão a minha cara. Espero poder lê-lo em breve.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  2. Li em algum lugar que esse livro é um fanfic da fanfic de Crepúsculo, Cinquenta Tons de Cinza. hahahaha
    Mas acho que essas coisas não fazem muita diferença se a escrita do autor é boa e te prende.
    Eu não fiquei com uma vontade louca de ler, mas se surgir a oportunidade não vou dispensar também. hahaha

    Beijos Joi!
    ooutroladodaraposa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rai, Crepúsculo revolucionou a literatura, isso se deve aceitar hahaha a partir dai, vieram outras histórias, mas sendo inspirada ou não algumas realmente são boas e valem a pena serem lidas!

      Excluir
  3. Ai flor, eu achei ótima essa sua resenha, mas será que vou curtir?? Tô pensando aqui...
    Um monte de coisas que você citou eu gostei, mas outras eu fiquei na dúvida.
    Pera aí, vou reler a resenha pra decidir, rsrs. Sou muito confusa mesmo :P

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lele, vamos dizer que é uma fanfic bem feita dessa vez. É uma leitura muito agradável. Dá uma chance! ^^

      Excluir
  4. Esse livro seguiu toda a receitinha do sucesso, hein? Fiquei muito curiosa para ler a história que parece ser muito boa, mas o que me deixou desmotivada fio saber que é uma trilogia.
    Por mais livros únicos, por favor! :D

    Beijos,
    www.naestradadafantasia.com

    ResponderExcluir
  5. Oii, tudo bem?
    Amo romances, é o estilo de livro que mais tem na minha estante.
    Esse livro tem cara de ser excelente, pretendo compra-ló.

    ResponderExcluir
  6. Oi tudo bom?
    Ai Joi, sabe o que eu acho? Que vou gostar. Culpa de algumas influências to num mood muito romantico, isso não pode, só aumenta meu papel de trouxa kk

    Beijos

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei! Achei que não gostaria tanto, confesso!

      Excluir
  7. Eu adorei a tua resenha, porque tu destacou os pontos fortes do livro, mas exatamente com aquilo que ele tem de diferente dos demais do mesmo gênero. Devo admitir que eu não sou muito chegada a romances, mas fiquei com uma vontade doida de conhecer a protagonista, porque ela me parece ser uma personagem extremamente divertida, confiante e muito, muito decidida, tudo que uma mocinha bem resolvida precisa ser. Além disso, a capa do livro é linda pra se ter na estante hahahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Patrini, espero que o segundo livro não seja tão repetitivo!

      Excluir
  8. eu to doidaa para ler esse livro logo! alias adorei tua resenha... tb gosto quando eh direto, sem enrolação ne.. tomara que no proximo livro a autora deixe as coisas mais claras
    tonsdeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Lud, já cansei de histórias cheias de mimi!

      Excluir
  9. Oi Joi!
    Que leitura linda! E, bom, fiquei feliz por ser diferente de 50 tons... Quando você começou com as palavras de um cara rico, bonito, encantador e tals quase deixei a resenha... Mas fiquei feliz que não fiz isso.
    Fiquei interessada na leitura, embora você tenha dado 3 estrelas (pensei que ia ser mais, hahaha).
    Abraços! | Blog Saphy | Fanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é boa Divana, mas o fato de ter levado 3 estrelas foi por não ter mudado a minha vida, é para entreter ^^

      Excluir
  10. Otima resenha, já tinha visto sobre ele mas nunca me importei em saber mais. Não é um livro que no momento me interessaria, mas acho que poderei muda de ideia facilmente pois gostei de saber que o livro não fica enrolando e vai direto ao ponto

    ResponderExcluir
  11. Já um post de divulgação desse livro em algum lugar... Bom, de qualquer forma, adorei a resenha e estou mesmo precisando ler livros assim... Leves e tals... Ah, e falando nisso, não sei porque, mas me lembrei de Belo Desastre, você acha que tem algo a ver?? Porque, se sim, definitivamente vou querer, kkk... Enfim, sabe me dizer se o segundo livro também já foi lançado?? Quero ler os dois de uma vez ;)
    Bjs, Juh.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juh é um NA como Belo Desastre mas o enredo em si é diferente!

      Excluir
  12. Oiee
    Tudo bem?
    Adoro livros de romance. O enredo parece básico, mas bem legal *0*
    Curti muito a resenhaaa
    Beijinhos Screepeer
    screepeer.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Nao dava nada pela capa do livro! E a resenha me animou a pelo menos tentar ler... Apesar de nao terem desenvolvido alguns pontos, gostei se saber q a leitura é daquelas gostosas! Mesmo q o romance seja do cara rico e gato e com um trauma/segredo no passado!
    Como vc disse q a protagonista é dessas boas! Nao é nenhuma lerda q a gente ver nos outros e q me irritam tanto... To vendo q dela vou gostar mais!
    Amei a dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz Suzzy que tenha curtido! Se ler me fala!

      Excluir
  14. Oii Joi, tudo bem??? Amei sua resenha e adorei o fato da protagonista ser diferente do que estamos acostumados. Mas ainda assim, acho que não leria o livro ;P , já estou um pouco cansada da combinação Rico, multimilionário e marrento.
    Mas cá entre nós, eu JAMAIS teria ido para a casa de um sujeito bêbado e brigão :P
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Gih esta realidade que me incomodou um pouco, sabemos que por aqui isso é pouco provável que acontecesse!

      Excluir
  15. Oi Joi, como você está. Este livro eu queria ler mas com sua resenha fiquei em dúvida agora. Parece bom mas ao mesmo tempo parece que deixa brechas que poderiam ter sido preenchidas um pouco melhor, né? Não sei, acho que deixo um pouco para depois esta leitura, apesar de ser trilogia. Mas o fato é que talvez realmente sobre estas questões para livros posteriores.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo ótimo por aqui Greice, apesar do atraso da resposta hahaha.

      Excluir
  16. Oi, Joi!
    Lembro de ter lido esse livro há bastante tempo. Na época gostei bastante da história que, apesar de parecer um pouco clichê. acabou me conquistantando.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    www.construindoestante.com || Curta a fanpage
    Sorteio de Aniversário de 1 ano do blog. Particpe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eliana, leu em inglês, vi muita gente que fez o mesmo, eu no entanto, só fiquei sabendo dele no lançamento da Valentina ^^

      Excluir
  17. Adoro romances!
    Não conhecia esse livro, e fiquei super interessada depois de ler sua resenha, adoro livros com romances, fiquei curiosa demais para ler.
    Adicionei em minha lista de leitura e pretendo ler em breve.

    ResponderExcluir
  18. Fiquei morrendo de vontade de ler, pois é o tipo de livro que me chama atenção sem muitos porquês. Já tinha visto esse livro, principalmente em sites de vendas como um dos mais vendidos, mas nunca li uma resenha. Mas sei que vou me apaixonar por ser um romance com dramas, humor e por emocionar, me fazendo repensar sobre a vida =) Com toda certeza, eu lerei.
    Bjs Joi!!

    ResponderExcluir
  19. A história te muitos elementos bacanas: segredos, amor, amizade, personagens com histórias de vida diferentes, gostei de Ellery e como vive a vida sem medos, gostei muito da capa, enfim, adorei...vai pra lista de leitura...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que tenha a oportunidade de conhecer a Ellery tenho certeza que ela vai virar uma inspiração.

      Excluir
  20. Oi Joi, tudo bem?

    Gostei bastante da sua resenha e me fez tirar um pouco da minha dúvida em relação ao livro. Mas ainda não sei se tenho vontade de ler e se vou solicitá-lo a editora. Os personagens parecem interessante, principalmente a Ellery, que parece ser determinada e não abaixa a cabeça para ninguém. Mas é uma pena que a autora correu demais e não explorou mais sobre os segredos dos personagens, o que tornaria a leitura mais interessante.

    Espero que o próximo livro tenha mais explicação para o Connor ser do jeito que é e tudo o mais, aí talvez eu repense minha vontade de ler.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafa, acredito que no livro dele, explique de forma mais aprofundada o drama dele. ^^

      Excluir
  21. Eu definitivamente preciso desse livro!
    É o tipo de livro que entra na minha estante sem maiores complicações e é uma história que realmente parece me lembra instigar. Amei os protagonistas e o jeito que a autora parece desenrolar o enredo. Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida, realmente, este é o tipo de leitura que se faz muito rapidamente sem demora!

      Excluir
  22. Oi Joi! Quando vi a sinopse de Black para Sempre, decidi que precisava dele na minha estante. É um gênero que eu gosto e leria sem problemas. Mas depois que as resenhas foram surgindo, vi muita gente dizendo que a autora não soube explorar os personagens e que o livro divide os leitores em quem acha a picuinha dos personagens fofas e quem detesta. Fiquei em dúvida. Ainda assim, acho que lerei quando tiver oportunidade.
    Um beijo!
    www.raciocinacomigo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ju, apenas realmente lendo, por que o que pode ser tolerante para você, pode não ser para mim. Leia e tire suas próprias conclusões!

      Excluir
  23. Oie Joi!!
    Eu também solicitei esse livro pra Valentina!! E gostei muito mesmo do que li, mas achei a Ellery um pouco egoísta de sem noção de mais, mas amei o Connor e mal posso esperar pera ver tudo pelos olhos dele, assim como vocês assustei com a velocidade que o livro correu, acho que isso foi algo que me desagradou um pouco, quando terminei o livro fiquei tipo? é isso? Só? kkkk

    Xo
    Alisson
    Re.View

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Alisson, agora é esperar pelos próximos!

      Excluir