Título Original: The Potion Diaries – Potion #1
Autora: Amy Alward
Tradução: Denise de Carvalho Rocha
Ano: 2017
Editora: Jangada
Páginas: 368
Amazon

O Reino de Nova é dividido de duas formas. Entre os comuns, que não possuem magia e, portanto, podem se dedicar a outras atividades, como no caso da alquimia e os talentosos, pessoas que possuem magia derivada de um objeto pessoal. Neste reino, talentosos não podem ser alquimistas, pois a magia pode acabar corrompendo alguns ingredientes mágicos.
Samantha Kemi é uma aprendiz de alquimista que herdou dos seus ancestrais o dom especial de preparar poções mágicas intuitivamente, mas apesar disso, ela é uma garota comum. Porém toda esta tradição herdada pelos Kemi se viu perdida após o surgimento dos ingredientes sintéticos. O comércio de poções orgânicas, apesar de muito respeitado, decaiu, e atualmente, Sam e sua família vivem para manter a loja de poções em pé para tentar garantir um futuro melhor para Molly, irmã mais nova de Sam e talentosa da família. 
Após a Princesa Evelyn ingerir, acidentalmente, uma poção do amor, há muito tempo proibida, e se apaixonar por si mesma, Samantha e todos os alquimistas do reino são recrutados para a Caçada Selvagem, uma jornada em busca do antídoto que poderá curar a herdeira do trono. Esta é a chance perfeita que Sam precisa para reaver os negócios da família e provar de uma vez por todas importância dos Kemi para o reino. Sendo assim, ela e sua Coletora Kirsty, saem em busca dos mais raros ingredientes, nos lugares mais inóspitos e nos cantos maias isolados.

“Eu já vi o amor de verdade. Meus pais têm amor um pelo outro, por exemplo. Não há nada de unilateral. São duas pessoas concordando em enfrentar o mundo juntas, não importa os desafios. É uma questão de respeito. É pessoal.”

Muito mais que os perigos que esta aventura reserva, Samantha deve lidar também com dois tipos de agravantes. Um deles é a presença da Corporação Zoroaster, a empresa que revolucionou o mercado de poções e que é concorrente direta nos negócios dos Kemi. O outro é Emília Thoth, a irmã banida do Rei, que escolheu praticar um tipo de magia proibida. Porém a presença de Emília pode ser também uma ameaça, visto que a morte da princesa é muito mais interessante para ela, que poderá ser a próxima rainha sem Evelyn em seu caminho. Será que Sam irá sair ilesa desta jornada e descobrir a verdadeira receita para salvar a vida da princesa antes que seja tarde demais?
A Poção Secreta é a típica história que nos envolve. Por menor pretensão que você tenha ao iniciar a leitura, ela encanta por apresentar algo leve, divertido e muito criativo. A premissa lhe convence nas primeiras páginas e logo você já vai estar torcendo para Samantha e seus amigos. Com uma narrativa muito gostosinha, o enredo infantojuvenil nos apresenta um mundo onde a magia é pulsante e aqui a autora conseguiu fazer um grande trabalho em equilibrar vários elementos dos conhecidos contos de fadas com as novidades da atualidade.
E por mais que nossa protagonista seja uma comum e que conta apenas com sua inteligência e dom para fazer poções, conseguimos interagir muito bem com o mundo mágico que a autora Amy Alward criou. Seres mágicos serão apresentados, como unicórnios e sereias, e toda aquela atmosfera mágica e de encantamento que recaí sobre as já conhecidas histórias de contos de fadas, são elementos presentes nesta história, mas que são abordados com os ajustes que só uma história tão envolvente poderia fazer.

A tecnologia se encaixa perfeitamente neste mundo e este foi um dos destaques do enredo para mim. A criatividade da autora me surpreendeu positivamente e eu, que nem sou tão adepta deste tipo de abordagem, me vi completamente satisfeita com este mundo em que fui inserida. Existem aplicativos que auxiliam os coletores e alquimista em suas buscas por ingredientes. Viagens e meios de comunicação bastante peculiares e tudo isso muito bem equilibrado entre as duas castas de pessoas que encontramos no livro e que precisam interagir de formas similares com o ambiente em volta.  
Por fim, o trabalho gráfico realizado na capa do livro foi outro fator interessante, que despertou a minha curiosidade assim que vi a divulgação do livro pela primeira vez. É maravilhoso saber que a história faz jus a divulgação e com tudo que o acompanha. Esta é uma edição fofa, jovem e colorida, exatamente como descobrimos ser a história contida por estas páginas.
Se você procura uma leitura que promete entreter e te levar novamente para aquelas jornadas cheias de ação e magia, A Poção Secreta é o livro ideal para lhe proporcionar isso. Muito mais que uma aventura em prol da vida da princesa, aqui teremos uma personagem muito inteligente, corajosa e cheia de vontade de dar orgulho para sua família. Samantha irá evoluir muito durante a leitura, então preparem-se para muitas pérolas de sereias, apoio familiar, uma amizade verdadeira e uma pitadinha de amor, por que todo final feliz merece um pouquinho.
A Poção Secreta é o primeiro volume da trilogia Diário de Uma Alquimista, portanto, por mais que a história apresente um desfecho para a premissa deste primeiro livro, iremos rever Samantha nos próximos volumes, A Poção Perdida e A Poção Mortal. Aliás, muitos dos personagens secundários, como a própria Princesa Evelyn, me deixaram com uma pulga atrás da orelha, então fica aquele gostinho que revisitar esta história logo, logo. Até lá!

Confira a trilogia Diário de Uma Garota Alquimista:

1. A Poção Secreta

2. A Poção Perdida

3. A Poção Mortal

rela
ciona
dos