Resenha: Will & Will

Título Original: Will Grayson, Will Grayson
Autor: John Green | David Levithan
Ano: 2014
Editora: Galera Record
Páginas: 352
Compre aqui

O livro Will & Will foi uma grata surpresa. Já conhecia a narrativa no queridíssimo John Green e estava curiosa para conhecer a escrita do autor David Levithan e também, é claro, saber como seria ler um livro escrito por dois autores. Preciso dizer que eu adorei e agora vou compartilhar com vocês todas as minhas impressões sobre está experiência.

Porém, antes de qualquer coisa, preciso ressaltar que eu não sabia de quase nada sobre o livro, fugi de todo e qualquer spoiler o quanto pude e me joguei. E foi sensacional descobrir que o livro carrega em um dos seus pontos a descoberta da homossexualidade, algo inédito para mim até então. A história não é nada previsível, pelo menos não quanto vocês devem estar imaginando que seja, pelo contrário, este ponto é abordado com a naturalidade que deve ser tratada. 

Aqui, seremos apresentados a vida de dois personagens e ambos se chamam Will Grayson, basicamente, apenas o nome os une e nada mais. Trataremos cada Will como Will 1 e Will 2 respectivamente, como vou apresentar. A história é narrada em capítulos intercalados entre os dois Will's, sendo o primeiro criado por John Green e o segundo por David. Amei a forma que os autores encontraram para diferenciar os dois personagens, assim, nunca me perdi durante a leitura. A escrita é bem diferente e isso me agradou bastante. Enquanto John manteve seu jeito habitual de escrita, David fez outro tipo de diagramação, narrando tudo em minúsculo e por coincidência, da mesma maneira que Will 2 narra sua vida, como algo pequeno e sem importância para ele.

"quando as coisas se quebram, não é o ato de quebrar em si que impede que elas se refaçam. é porque um pedacinho se perde - as duas bordas que restam não se encaixam mais, mesmo que queiram. a forma inteira mudou"

Outro ponto alto do desenvolvimento do livro, foi a forma que cada autor termina um capítulo. Sério! isso fazia eu ficar desesperada, imagina ter que ler um capítulo inteiro antes de continuar da onde parei? Mas o capítulo seguinte era sempre tão envolvente quanto o anterior. Desta forma as páginas foram rolando e eu nem percebi, só queria saber o que acontecia depois.

Will 1 é o típico garoto tímido e reservado do colégio, é um garoto peculiar que vive escondido as sombras dos amigos. Não chamar a atenção para si é sua regra número um. Apesar de ser um antissocial convicto, ele vive junto com seus dois amigos Jane e Tiny Cooper. Tiny é gay assumido, e Will sempre o ajudou a defender seus direitos no colégio, fortalecendo ainda mais sua amizade. Talvez seja apenas Tiny, capaz de fazer com que Will rompa (as vezes) sua regra mais importante. Sobre Will e Jane, vocês descobrirão no livro.

Mas com amigos, não tem nada assim. Estar em um relacionamento, isso é algo que você escolhe. Ser amigo, isso é simplesmente algo que você é.

O Will 2 é melancólico, toma remédios para depressão e trabalha para conseguir pagá-los, seu único motivo de "alegria" no dia é as horas de conversa pela internet com seu amigo virtual Isaac. Will é apaixonado por Isaac e ainda não sabe como contar para sua mãe sua opção sexual. Quem vive sempre no seu pé é Maura, sua única amiga, mas Will nunca mostrou interesse por ela.

Adorei que um relacionamento virtual tenha sido abordado no livro, já vi e conheci muitas pessoas que utilizaram esta ferramenta como válvula de escape para a depressão e a maneira como David abordou isso mostrando como isso pode ter consequências (sejam positivas ou negativas) foi incrível. Eu sempre digo, a internet é uma terra sem lei onde qualquer um veste a mascará que prefere. 

Chegado o dia em que Will e Isaac resolvem enfim, se conhecerem é neste encontro pra lá de tumultuado e cheio de reviravoltas que os dois Will's, por ironia do destino, acabam se encontrando, cada um em um momento digamos que "péssimo". O livro não tem, de jeito nenhum, o foco apenas nos dois Will's e muito menos, foco nos romances aqui abordados, sejam eles héteros ou homo afetivos. A estrela literalmente do livro é o grande Tiny Cooper, ele é egocêntrico por vezes, egoísta sim, mas sempre divertido, leal e sincero. Um personagem totalmente palpável assim como todos no livro. Tiny me conquistou e é ele que faz estas duas histórias se entrelaçarem da forma perfeita, é em volta de Tiny e em volta da sua peça de teatro, que tudo acontece.

quero dizer a ele: ninguém nunca me disse como lidar com coisas assim. abrir mão não deveria ser indolor se você nunca aprendeu a segurar?

Não é à toa que depois do grande sucesso do livro, David Levithan publicou o spin off deste personagem que contará as passagens desta tão esperada peça! Eu achei o máximo e com certeza vou conferir. O livro se chamara Me abrace mais forte: A história de Tiny Cooper, mesmo nome da peça. O livro passa muitas mensagens significativas mas as três que mais me chamaram a atenção é a aceitação, seja ela própria ou a inclusão em um meio, nossas escolhas e consequências e por último, sem dúvidas é o amor, seja ele da forma ou tamanho que for. 

Todo jovem passa por transformações e sempre carregará dúvidas. No caso de Will 2 será que sua doença permitirá que ele prossiga nesta luta interna? Durante sua narrativa, por vezes, fiquei presa aos seus pensamentos e minhas reações eram da apreensão a tensão. Nada é fácil ou rápido para ele e a depressão só tende a dificultar tornando tudo mais doloroso, garanto a vocês que será ótimo acompanhar como ele enfrentará tudo isso. 

Já no caso do outro Will teremos uma abordagem mais leve mas mesmo assim relevante, veremos claramente como a omissão em certos momentos de nossa vida pode nos prejudicar, como não viver intensamente o agora, pode fazer com que nos arrependeremos no futuro e na maioria das vezes, quando nos damos conta é sempre tarde demais, certo? 

A verdade, porém? Todo mundo tem uma. Essa é nossa maldição e nossa bênção. Essa é nossa tentativa e nosso erro e nossa coisa certa.

Will 1 enfrentará seus medos e inseguranças e os deixará de lado para sair da sua zona de conforto, passará a ser o protagonista de sua própria vida, ao descobrir que quase deixou escapar pelos seus dedos a promessa de um futuro melhor. Ele nunca se permitiu sentir antes algo assim, como ele saberia, não é mesmo? O nome desses dois personagens pode ser igual, assim como outros mais, mas cada um carrega sua bagagem e esta mensagem principal está bem clara no livro.

Eu adorei que Will & Will tenha me proporcionado primeiras vezes maravilhosas. A quantidade de post its foi assustadora, é verdade. E David Levithan que até então era um autor desconhecido para mim foi me ganhando e conquistou mais uma fã, ele me ganhou do início ao fim, com sua narrativa e a forma de abordar alguns assuntos tão profundamente, mesmo passados na cabeça de um adolescente confuso e atormentado por seus medos.

Leiam, leiam, leiam, Will & Will! Eu mais que recomendo! Se peguem rindo, gargalhando, se emocionando e até refletindo, assim como eu fiquei nesta história mais do original, real e presente. Obrigada a sincronia dos autores que lacraram a obra, foi perfeita! Agora este será mais um dos meus preciosos da minha estante :)

80 comentários

  1. Eu gostei muito desse livro e fui atraída pela temática (que também era novidade com relação ao que costumo ler). Já gostava dos dois autores e fiquei animada. Felizmente não me decepcionei. Acho que o livro dividido funciona bem. No livro Invisível o David Levithan repete a fórmula com outra autora e o resultado é ótimo também. E eu adorei o Tiny Cooper, mas vi tanta gente reclamando dele.

    http://despindoestorias.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero muuuuiito ler invisível Vanessa justamente por ser outra parceria! Com certeza vou conferir. Beijos Joi

      Excluir
  2. Eu gostei do Will do Levithan, mas pra mim o livro desandou. Deixou de ser dos Wills e passou a ser do Tiny ( o qual peguei uma birra,). Bom adorei a resenha
    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também achei isso, como disse na resenha mas mesmo assim não deixei de sentir a mensagem que acontecia ao seu redor ^^ Beijos Joi

      Excluir
  3. Oi Joi, tudo bem?
    Ei tô louca para ler Will e Will, já li várias resenhas sobre esse livro e todo mundo fala super bem.
    A sinopse dele me agrada bastante também, o que me anima muito a fazer essa leitura.
    Os personagens parecem ser bem interessantes e pela sua resenha você também gostou muito :D.

    Beijão*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Maiah tenho certeza que vai adorar!
      Beijos Joi

      Excluir
  4. Hum...adoro! Acredita que nunca li nada do autor? Nossa...queria muito, a maioria dos amigos blogueiros falam super bem dele.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim Paloma eu me surpreendi com David e sobre eu John já conhecia ^^ Beijos Joi

      Excluir
  5. Já ouvi vários falarem sobre o livro, e parece ótimo <3

    www.sendohipster.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. todo mundo fala mega bem desse livro e eu acho a história simplesmente linda.
    espero ler meu exemplar um dia.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga em breve Alice é uma história bem bacana! Joi

      Excluir
  7. Este é o único livro do John Green que ainda não li, mas foi por falta de interesse e acabou ficando pro final da lista de leitura. Ainda quero ler, com certeza, ainda mais depois de ler somente resenhas positivas. Mas acho que vai ser o que menos me agradará do autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você acha Georgia? Dizem que Teorema Katherine não é o bicho, acho que Will&Will vai te surpreender ^^ Joi

      Excluir
  8. Olá .. Ainda nao li esse livro e naomadianta..eh o unico dele que realmente nao me da nenhuma vontade de ler.. Vou confiar nos meus institnso por enquanto e ficar com os outros livros dele :)

    http://foreverabookaholic.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ^^ mas quem sabe um dia né Camylla? eu curti bastante. Joi

      Excluir
  9. Olá meninas, primeira vez no blog!

    Sobre o livro, eu ainda não li, não sou muito viciada em John Green, mas esse livro por ter sido escrito em conjunto, me pareceu muito mais interessante pela resenha. As perspectivas e vidas dos personagens são bem diferentes, e é legal acompanhar o desenvolvimento deles,as dificuldades. A historia parece ser muito bonita! E leve também, daquelas que flui, e adoro livros que nos ensinem/mostrem algo, ajuda a encarar as coisas da vida =)

    Beijoss, adorei a resenha, fiquei bem interessada!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Caah seja bem vinda! Você captou toda a essência do livro, tenho certeza que vai adorar! Beijos e volte sempre!
      Joi

      Excluir
  10. Oi Joi,
    Tenho esse livro desde o lançamento, então o meu ainda está em primeira edição...
    Sendo assim ainda quero muito a minha edição azul que é perfeita por sinal, além disso preciso parar de procrastinar e ler logo, realmente me parece um bom livro.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Delmara! é ótimo, leia logo hahaha, também acho a capa lindíssima!
      Beijos Joi

      Excluir
  11. Eu poderia imaginar tudo, menos que eu daria umas boas risadas com esse livro, sério rs.
    Já li um livro do John e confesso que não esperava que fosse gostar tanto. Espero que esse seja na mesma linha, embora ele não escreva sozinho.
    Gostei da história e vou querer ler, claro.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 6 livros para escolher e 2 ganhadores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi casal! Sobre a escrita do John segue a mesma linha, é característica dele.Espero que consigam ler em breve!
      Joi

      Excluir
  12. Oi Joi, tudo bem?
    Só leio elogios quanto a esse livro. Parece ser um livro muito fofo, e tendo o Jg já é mais do que recomendado pra mim. ele já está na minha lista de desejo faz tempo, espero poder conferir logo logo.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também espero que consiga em breve Amanda! é super fofo! e carrega uma mensagem bem legal =D Beijos Joi

      Excluir
  13. Oi, Joi-flor! E mais uma vez você vem falar de um livro que tenho há um tempão e ainda não consegui ler… *chora*. Para você ter uma ideia, minha edição é a anterior, aquela com a capa cinza. Quando o livro lançou fiquei muito ansiosa para lê-lo! Mas conforme tive que me dedicar a outras leituras, fui perdendo o ânimo, sabe?
    Sua resenha foi um convite, como se um dos meus galãs de cinema da adolescência ressurgisse agora mais maduro e em melhor forma pronto a me tirar para dançar (rs). Adorei esse sentimento! Sabe que o David Levithan tem um perfil que me encanta! Todos os livros dele entram para os meus top favoritos e só percebi isso agora, com seus comentários.
    Ah, não sabia sobre o spin-off… Espero que tenhamos acesso a ele também (rs).
    Beijo carinhoso, Joi!

    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Franzita! Nhoi como sempre os melhores comentários <3 Espero sinceramente, que você consiga ler o livro Fran é super divertido e carrega uma mensagem positiva e válida! Vale a pena. Beijos Joi

      Excluir
  14. Adorei a resenha! Muito legal essa ideia dos autores de cada um escrever um personagem, parece ter funcionado muito bem. O enredo do livro parece ser ótimo, fiquei curiosa. :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é bem bacana Dani! Espero que consiga acompanhar o quanto antes esta história.
      Beijos Joi

      Excluir
  15. Oiee, Joi, tudo bem?

    Sou doida pra ler Will e Will. Tenho a capa antiga e a capa nova. Quero muito ler o livro e pretendo fazer isso em breve. Só tenho medo de me confundir nos Wills huahuahuahua

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo ótimo Kel! tirando o fato que estou uma semana doente já! é impossível confundir os Will's pode ter certeza, vaio por mim! Beijos Joi

      Excluir
  16. Oi Joi, tudo bom? Estou louca para ler esse livro também.. Ainda não li nada do David, e acho que esse livro vai me surpreender, ou assim eu espero.
    Adorei a sua resenha, mas gostaria de corrigir um pequeno erro, se me permite.. O correto é homossexualidade, e não homossexualismo. O sufixo ISMO é usado apenas para doenças, doutrinas, conformação etc. Alguns estudiosos afirmam que está correto usar o sufixo ismo, pois ele sugere que uma ideologia é seguida, mas quando falamos de sexualidade, não estamos falando de ideologia. Os homossexuais não "seguem" nada, eles apenas nasceram assim, então se falamos heterossexualidade (e não heterossexualismo) por que deveríamos dizer homossexualismo, não é?
    Esse é um tema bastante discutido nos grupos LGBT, mas é sempre bom quando podemos debater e imprimir nossas opiniões :)

    Enfim, adorei a resenha.. Estou LOUCA de vontade de ler esse livro e conferir por conta própria, rs.
    Beijo grande.

    Thati;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ain não tinha ideia disso Thati obrigada pela dica e vou corrigir =D

      Beijos Joi

      Excluir
  17. Oi Joice, adorei a resenha!
    Estou doida para ler esse livro desde que ele foi lançado, mas até hoje não tive a oportunidade. Tenho vários amigos homossexuais e sei como isso pode ser difícil para alguns deles, que muitas vezes se sentem rejeitados dentro de suas próprias casas.
    Enfim, eu não sou grande fã do John Green, mas adoro a escrita e a criatividade do Levithan, por isso mais uma vez quero muito ler algo dele!

    Adorei conhecer seu blog!
    Espero que goste do meu :D
    http://obsessivejerk.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica o livro é uma ótima pedida para quem vive isso de perto, alem de ser divertido também! Beijos Joi

      Excluir
  18. Oi Joi, tudo bem?

    Que bom que gostou do livro, eu também me surpreendi demais com ele. Eu já sabia sobre o homossexualismo abordado, tanto é que achei que o casal seria formado pelos Will, haha, então me surpreendi bastante com as tramas paralelas e os personagens secundários. É muito legal como os autores abordam o dia a dia jovem, sem contar essas mensagens incríveis que eles passam.

    Sobre a narrativa intercalada... Esses dois são muito bons né? Também fiquei pasma com cada um dando vida a um Will diferente.

    Beijos,

    Pah - Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim e foi realmente isso que escrevi no começo da resenha, para quem lê a sinopse acredita que encontrara um romances entres os Will's mas não é nada disso ^^
      Os dois autores foram ótimos, completaram o livro deixando ele redondinho!

      Beijos Joi

      Excluir
  19. Hey Joi, tudo bem?
    Estava buscando sobre esse livro e acabei lendo algumas críticas negativas sobre ele (pelo principal fato de abordar o homossexualismo), o que me desanimou bastante de fazer a leitura, mas acompanhando sua resenha a curiosidade que eu tinha acabou voltando, ainda mais por que você recomenda a leitura, adoro suas resenhas, sem mais haha';

    Beijos~
    intoxicadosporlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De jeito nenhum a homossexualidade abordada é um ponto negativo no livro, se pudesse falar algo falaria sobre Tiny que leva quase todos os créditos do livro quando poderiam ter abordado mais sobre ambos Will's ^^

      Joi

      Excluir
  20. Eu quero tanto, tanto, tanto, tanto, tanto, tanto esse livro. Você não tem noção.
    Já dei com esse livro várias vezes na livraria, mas como está com a nova edição (que eu não sou muito fã) acabei resistindo e não comprei. Quero com a capa antiga :/
    Ótima resenha.

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa Sofia a nova capa é tãoo mas tão linda hahaha, acho difícil você encontrar, mas quem sabe você não acha no Skoob ou em sebo né? Joi

      Excluir
  21. Oi, Joi!
    Sua resenha ficou linda! Se eu ainda não tinha me convencido a ler esse livro, agora com certeza fui picada pelo bichinho da curiosidade! Os temas abordados e os pontos que você destacou em sua resenha me fizeram querer dá uma chance ao livro. Vou ler! Tenho um pé atrás com o John Green, mas pode ser que ele me conquiste com essa leitura. :D

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe é incrível a relação que os leitores tem o Sr. Green, uns amam outros nem tanto...vai entender né? Beijos Joi

      Excluir
  22. Olá, Joice!
    Eu quero muito ler "Will & Will" , mas tenho dúvidas em qual das duas edições comprar.
    Nunca li nenhum livro que trata do homossexualismo, talvez Will & Will seja a minha primeira experiência com livros que abordam esta temática.

    Abraços!!
    http://www.tudoonlinevirtual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Will & Will foi meu primeiro livro que tinha isso tão presente e eu adorei sabe?! foi tudo bem natural como deve ser ;)
      Beijos Sávio

      Joi

      Excluir
  23. Oi Joi, tudo bom? Morro de curiosidade de ler este livro, ainda mais depois de ler Todo Dia e ficar conhecendo a escrita do David. Tenho medo de ler este livro e me confundir nos capítulos na troca de Will, mas como você disse que as escritas são bem diferentes, acho que vou arriscar. Gosto do fato dos autores abordarem o tema do homossexualismo, que é uma coisa sobre a qual, geralmente, as pessoas não gostam de falar. Já eu gosto bastante de discutir qualquer coisa, então não seria diferente com este assusto. Gostei da resenha!
    Este livro tem outra capa, não? Ambas são muito lindas! Que bom que você gostou da leitura, que venham muitas mais ótimas como esta! Beijo,
    entreeleitores.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jess querida! Realmente não tem como se confundir sabe? alem de serem historias paralelas tu vai se ambientar bem. David foi incrível neste livro assim como foi em Todo Dia. Beijos Joi

      Excluir
  24. Oii,

    Eu já vi muitas resenhas sobre o livro mas não me interessei a ler ele ainda, pretendo ler em breve. Ainda não conheço a escrita do Green ainda (eu sei, a unica hahaha)
    A capa é uma fofura.

    Beijinhos,

    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahah acho que é a unica mesmo Ana! Mas tenho certeza que em breve coloca isso em dia ;) Beijos Joi

      Excluir
  25. Oi, Flor! Tudo bom?
    Adoro as resenhas sobre o livro, mesmo tendo aquele equilíbrio de algo mais triste com algo mais divertido. A história sempre me parece ser um pouco complicada, tenho medo de acabar me confundindo com as personagens, mas acho que os autores deram um jeitinho de tornar cada um especial. Sempre tenho aquele toque de emoção ao ler as resenhas e a sua com certeza trouxe algumas aqui! Adorei a resenha e espero logo poder ler essa história!

    Beijinhos,
    Percepções Blog | Grupo: Mais um livro, Por favor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Fe é bem claro e diferenciado cada personagem, de jeito nenhum você vai se confundir, o drama e a diversão aqui são bem equilibrados. Beijos Joi

      Excluir
  26. Eu tenho esse livro, só que na capa antiga. Ainda não li e nem sei quando vou ler. Não sei se vou gostar :( mas espero que sim!! Igual vc gostou.
    Muito boa a sua resenha.
    Bjokas

    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kelly o livro é ótimo, mas espero que leia no seu tempo, sem pressão! Beijos Joi

      Excluir
  27. Ooieee.

    Eu ainda não tive a oportunidade de ler este livro, mas já li dois livros do Green e quero muito ler os demais.

    Beijos!
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fe! Também quero viu, John vem me conquistando pouco a pouco! Joi

      Excluir
  28. Oiee ^^
    Esse livro também foi uma surpresa para mim, mas é um dos meus favoritos. Gostei mais do Will 2, achei ele mais interessante e por ser problemático, torcia mais para ele. Não fiquei sabendo do spinn off *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dryh querida! Já eu adorei o Will 1 sabe! Totalmente resolvido apesar das suas neuras que pouco a pouco no livro foi deixando de lado ^^ Mas o Will 2 tem seu valor <3 Joi

      Excluir
  29. Eu adoro o jeito como tu te entrega na hora de fazer a resenha.
    Tu coloca tanta intesidade nas palavras que não tem como a gente parar de ler. Mesmo elas sendo enormes uahauhau
    Eu estive com esse livro na mão semana passada, mas optei por comprar outro.
    Agora ta batendo um certo arrependimento! auhauahau
    É sempre bom passar por aqui!
    Bjs da Le
    Le Versos & Controvérsias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahhaa obrigada Letícia, agora não sei se isso é um elogio ou não hahaha <3 mas de qualquer maneira amei! Obrigada pelo carinho e por sempre acompanhar aqui!
      Beijos Joi

      Excluir
  30. Bom dia amore, passando para agradecer a visita no meu blog e para dizer que amei o seu e também estou seguindo :3
    Bom fim de semana.
    Sckittyworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  31. Gostaria muito de ler esse livro, do John Green eu só li A culpa é da estrelas, parabéns pelo blog está muito bonito, bjs ♥ sobangulos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se conhece ACEDE e a escrita do autor vai amar os demais ^^ Beijos Joi

      Excluir
  32. Oi, Joi!
    Quero muito ler esse livro! O David Levithan tem outras obras que me chamam a atenção e, junto com o John Green, me dá ainda mais curiosidade!
    Bom saber que você também gostou do livro, vejo ótimos comentários a respeito!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pri realmente o David tem obras fantásticas! Quero acompanhar mais do autor ^^
      Joi

      Excluir
  33. Como sempre a resenha esta impecável !!! Adorei a forma como foram inseridas pequenas quotes ao longo da resenha, mas fiquei com uma dúvida, e peço perdão se deixei passar alguma coisa, rsrsrsrsr, mas essas quotes são suas opiniões ou trechos do livro ???
    Eu não sei porque, mas não consigo me identificar com os livros do John Green ... As histórias parecem ser legais e interessantes, mas até hoje não li nenhum ... Talvez algum dia eu resolva ler algum deles, rsrsrsrsrsr
    Beijinhos

    Hear the Bells

    ResponderExcluir
  34. Olá Joi!
    Só conheço ACEDE do Johnn, mas este livro é um queridinho no universo literário e não posso deixar de conferir. É tão gratificante quando nos deparamos com estas surpresas agradáveis. Adoro também!
    Beijos!
    www.tesouroliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Márcia, e eu adorei viu! Beijos Joi

      Excluir
  35. Olá,
    É interessante, eu sempre tive muita curiosidade em relação a este livro, mas ultimamente ela começou a esfriar. Já li e ouvir resenha super positivas como a sua, e outras super negativa, o que me faz pensar.
    Não sei se verdadeiramente vou gostar do livro, sua resenha, foi a mais completa que já li e me ofereceu uma panorama mais interessante sobre a história. Não sei, ela tem elementos interessantes, mas outros que eu já acho extramente manjados. Queria muito ler esse livro por conta do David Levithan, não pelo John Green.
    Mas, quem sabe, eu não me surpreenda!

    Jônatas Amaral.
    alma-critica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Jônatas, dê uma chance ao livro, acho que ele vai te surpreender. Joi

      Excluir
  36. Oi, Joi, sua linda!
    Nunca li uma resenha desse livro que realmente chamasse minha atenção assim. Na verdade, apesar de gostar do John Green, tenho quase um preconceito com ele, coitado. Mas, além disso, adorei a premissa real deste livro e com toda a certeza eu o lerei.
    Beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ro, se o problema é o John de uma chance ao David hahaha a escrita dele é sensacional! Beijos Joi

      Excluir
  37. Hey!

    Ai, eu acho essa capa tão linda! A minha edição é da antiga, e convenhamos que aquela capa é super sem graça. Também foi o primeiro livro co-escrito que eu li, e adorei. Eu confesso que não curti a narração em minúsculas, me deu nervoso. Sei lá, acho que tenho TOC com essas coisas. Mas não tirou o brilhantismo da parte do Levithan, só me irritou um pouquinho (ok, um montão). Ao contrário de você, não consegui gostar do Tiny. Achei ele exagerado demais, sei lá, ficou meio forçado. Ele me irritava, essa é a verdade. Mas o livro me conquistou, e eu também o enchi com post-its haha. Ótima resenha!

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Amanda, mas eu acabei entendendo na diferença de narrativa! Obrigada! Beijos Joi

      Excluir
  38. Ai, Joi! Eu tenho uma amiga que tem "Will & Will", acho que vou ligar para ela agora depois da sua resenha e pedir para ela me emprestar rs O John Green é sensacional, o Dabid Levithan é divino, um livro dos dois só pode ser coisa boa! Parabéns pela resenha, já curti o Tiny só pelas suas palavras rs
    Beijos!

    bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga mesmo o livro emprestado Tici é encantador e reflexivo. Beijos JOi

      Excluir
  39. Prometo ler esse livro mes que vem! Está na minha lista. Adorei sua resenha. *O* Eu conhecia o David Levithan, sou louca por um livro dele que ainda não foi traduzido ): adoro ele <3
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É tão ruim isso né? queremos ler tanto algo mas nunca de chegar ao Brasil! hahaha Volte sempre Rê! Beijos Joi

      Excluir
  40. Sou fã de carteirinha do John Green e confesso que esse foi o único livro escrito por ele (pelo menos em parte) que eu ainda não li. Não sei porque, sempre acabo passando algum livro na frente e protelando com o livro ... porém sua resenha me deixou muito muito ansiosa pra lê-lo e sentir isso tudo! Também não li nada do Levithan por enquanto, mas comprei Invisível, livro que ele escreve com a Andrea Cremer e espero que seja bom !
    Beijos,

    - bia

    www.nasuaestanteblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também pretendo ler Invisível, eu adorei esta ideia de dois autores, e se tem David junto é certeza de coisa boa ^^ Beijos Joi

      Excluir