Hell or High Water

Lançamento: 02 de fevereiro de 2017
Com: Jeff Bridge, Chris Pine, Ben Foster
Gênero: Suspense, Drama
Oi galera! Eu ando meio sumida, confesso! Mas em breve voltarei à ativa! Essa é uma semana mais que especial aqui no blog, é a semana do Oscar e estamos eufóricas com as possibilidades desse ano! Ainda não consegui assistir a muitos filmes que estão concorrendo, mas assisti A Qualquer Custo e acho que os demais deverão ser muito bons para ganharem deste!
No interior do Texas – EUA, dois irmãos encontram-se em uma situação dificílima. Com a morte do pai e da mãe, eles estão prestes a perder a fazenda em que ambos cresceram e viveram grande parte da vida. Sempre foram pobres e levaram uma vida difícil, porém, recentemente, encontraram petróleo na propriedade, o que irá render cerca de $50.000,00 por mês. Como sempre viveram na miséria, a vida não favoreceu muito nenhum dos irmãos.
Tanner Howard (Ben Foster) acabou no mundo do crime e passou 10 anos na prisão por diversos assaltos. Rebelde e com tendência a brigas, o irmão mais velho dificilmente consegue ficar fora das grades. Toby Howard (Chris Pine) é o irmão mais novo e nunca se envolveu no mundo do crime. Cuidou da mãe até seus últimos dias, divorciado e com dois filhos adolescentes, além de dever todo o valor da hipoteca juntamente com o irmão, ainda deve para sua ex-esposa Debbie (Marin Ireland) o valor da pensão alimentícia dos meninos. No meio desse mar de dívidas e sem nenhuma perspectiva de solução rápida, ambos se voltam para a saída óbvia, em que um deles tem muita experiência: assalto à bancos.

Tanner já efetuou diversos assaltos, mas é afoito, e não consegue organizar nem programar nada. Porém, com a mente de Toby trabalhando junto, o plano tem tudo para dar certo. Ambos decidem que devem atacar sempre ao amanhecer, quando as agências ainda estão vazias, minimizando assim, a chance de ocorrerem mortes e embates desnecessários. As notas roubadas devem ser sempre avulsas e de pequeno valor, minimizando as chances de rastreio. E por último, nunca roubam quantias muito altas, optaram por fazer mais assaltos, porém sempre com quantias pequenas, até juntarem o valor necessário.
No outro lado da história estão os policiais parceiros Marcus Hamilton (Jeff Bridges) e Alberto Parker (Gil Birmingham). Marcus está a alguns dias de se aposentar, quando ocorre o primeiro assalto dos irmãos Howard. Sozinho e apavorado com a nova realidade iminente, Marcus decide que deve ir até o final deste caso antes de aposentar-se, e ele não medirá esforços para capturar os ladrões.
Quando fui assistir a este filme, nem quis assistir ao trailer, nem ler a sinopse, justamente para ser surpreendida, positivamente, ou, negativamente. Filmes que estão concorrendo ao Oscar dificilmente decepcionam, mas sempre há alguns que são mais arrastados ou que não prendem tanto como outros. Achei o filme com a trama previsível, mas muito interessante. O final mesmo, não sabemos os detalhes, mas imaginamos. Tem algumas coisas surpreendentes e que deixam o desfecho ainda mais eletrizante. Não assisti aos outros filmes ainda, mas acho que este tem bem o perfil de filme que costuma ganhar o Oscar.

Achei as atuações o ponto alto deste filme. O trio Chris – Jeff – Ben está de tirar o fôlego. Cada um encarnou com maestria no seu personagem, nos fazendo acreditar em cada ação, e ora torcendo por um, ora por outro. Este é aquele tipo de filme que não se consegue dizer quem é o mocinho e quem é o bandido. Queremos que de alguma maneira, todos saiam satisfeitos – o que é impossível. Agora é aguardar o domingo, quando descobriremos quem será o felizardo que irá ganhar a tão cobiçada estatueta!
XO, 
Enjoy!

rela
ciona
dos