Soundtrack - Crítica

Soundtrack

Lançamento: 06 de junho de 2017
Com: Selton Mello; Seu Jorge; Ralph Ineson
Gênero: Drama

Ao se deparar com o trailer de Soundtrack no YouTube, o espectador pode até estranhar. Título em inglês e falas também, um mix de atores estrangeiros e dois brasileiros no meio da neve. Somando tudo isso fica muito difícil chegar a conclusão de qual país é o filme. Dirigido pela dupla 300ml - mais conhecidos no mercado publicitário -, o longa é uma produção brasileiríssima e que foge bastante do que estamos acostumados no mercado do cinema nacional.

O roteiro gira em torno de uma estação de pesquisa polar para onde o fotógrafo interpretado por Selton Mello viaja. O objetivo de Cris é tirar selfies para uma exposição de arte que envolverá imagens e trilha sonora (por isso, o nome Soundtrack). Ele espera que através das fotos e das músicas, as pessoas possam sentir diferentes sensações. No entanto, ele se encontra em uma nova comunidade que não tem nada de artística. 

Cris divide um alojamento com Mark (Ralph Ineson), um cientista especializado em aquecimento global que não fica muito feliz com a chegada do novo colega. A estação ainda tem mais três integrantes: o botânico brasileiro Cao (Seu Jorge), o biólogo chinês Huang (Thomas Chaanhing) e o pesquisador dinamarquês Rafnar (Lukas Loughran).  Todos vivem focados em suas pesquisas, longe da família e praticamente isolados no meio da Antártica


Em um primeiro momento, podemos correr o risco de julgar que o filme se trata de um suposto embate entre a arte versus ciência. Até existe uma reflexão sobre isso. Mas se o espectador se deixar envolver pelas relações humanas - afinal, é o que temos quando se tem cinco pessoas vivendo em uma situação de isolamento -, que acontecem durante os 112 minutos, é possível constatar que o foco de Soundtrack é a amizade.

O ator Ralph Ineson definiu o filme da seguinte forma em uma entrevista: "O script é inteligente, diferente. É, ao mesmo tempo, um filme brasileiro e internacional". E essa não poderia ser uma definição melhor, já que Soundtrack tem todo o molde de um filme internacional, mas que foi dirigido e produzido por brasileiros; e mais ainda, gravado no Brasil!

Sobre as interpretações, os atores foram muito bem escolhidos para cada personagem. Não é a primeira vez que a dupla Selton Mello e Seu Jorge trabalharam juntos. Em 2006, eles tiveram a oportunidade de gravar um curta com a 300 ml chamado Tarantino's Mind. Essa experiência prévia parece ter ajudado na sintonia entre eles. Os outros atores não ficam para trás e trazem vida para os personagens que foram tão bem construídos. E para quem achou que conhece Ralph Ineson de algum lugar, ele atuou em Game of Thrones.  

O espectador encontra tanto um roteiro que aguça a reflexão sobre vários temas, como uma história envolvente que mescla o bom humor e a profundidade de personagens humanos que precisam lidar com suas dores. São poucos os filmes nacionais que eu vi que realmente gostei e faço questão de indicar para as pessoas. Soundtrack acabou de entrar nessa lista. 

37 comentários

  1. Achei curiosa essa mistura de nacional com internacional e fiquei querendo assistir para saber como ficou ainda mais com esses personagens e suas nacionalidades.Também assisti poucos nacionais, mas espero gostar desse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale muito a pena dar uma chance para esse filme, Maria :)

      Excluir
  2. Olá!
    Gostei bastante da premissa do filme, ainda não conhecia. Parece ser muito legal e gostei da mistura que teve com nacional e internacional é bem criativo e parece que foi muito bem feita.
    Espero que o filme esteja tao bom quanto o trailer <3
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei muito, Nati. Confesso que fui com as expectativas bem baixas, talvez por isso eu tenha me surpreendido tanto! Beijos

      Excluir
  3. Um filme e tanto hein! Ainda mais com esse mix de brasileiros e estrangeiros.
    Não tinha ouvido falar do filme ainda e confesso que fiquei bem interessada!
    Parece ser uma história profunda e envolvente mesmo. Espero conferir num dia desses :)
    Beijos
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também espero que você tenha a chance, Carol! :)

      Excluir
  4. Achei interessante esse negócio das musicas e fotos na história, isso chamou atenção de cara. Pode ser um detalhe, mas gostei.
    É legal imaginar o que essas pessoas e esse encontro gerou. Tem profissões bem diferentes e o isolamento e o relacionamento que devem acabar tendo é algo que fica interessante de ver. Gostei dessa ideia. Parece bem humano, uma coisa que faz pensar. Deve gerar umas reflexões legais pelo tom da história. E o elenco parece bem bacana também.
    Não sei se seria o tipo de filme que gosto mesmo, mas deu uma curiosidade pra assistir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi como eu disse, ele não um filme que gera muito ação. Ele foca mais nas relações entre os personagens, mas tem umas reviravoltas mais para o final! Muito emociomante!

      Excluir
  5. Estou passada!!!! Nunca poderia imaginar uma produção brasileira assim! Acho que estou precisando me inteirar mais de como anda o cinema brasileiro! hahahah
    Super afim de conferir! Obrigada pela dica =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também, Tália!!! Confesso que fui ver não tendo muitas esperanças de gostar. Mas o pessoal arrasou!

      Excluir
  6. Oi.
    Olha que legal! Gostei muito da indicação e me surpreendeu por ser brasileira!
    Fiquei feliz em saber que está bem produzido e com um enredo e personagens bem construídos.
    Já fiquei muito animada para assistir.
    Ótima crítica.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você tenha a oportunidade de conferir o filme, Márcia <3

      Excluir
  7. Eu adoro o Selton e o Seu Jorge *-* Não sabia da existência desse filme. Adorei essa pegada nacional e internacional que o diretor quis fazer, principalmente, com esse foco na amizade.
    Obrigada pela indicação.
    Abc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corre para o cinemas, Nay. Você vai amar!

      Excluir
  8. Olá !
    Confesso que ainda não tinha ouvido falar sobre esse filme .. mas caraca que filme..
    Adorei essa mistura de brasileiros e estrangeiros e os isolando no meio do antártico onde os únicos em quem podiam contar era eles mesmos !!
    Legal ! E nem parecer que o foi dirigido por brasileiros hahaha

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? Essa dupla de diretores tem uma pegada bem internacional e não vejo a hora de ver outro longa deles :)

      Excluir
  9. Oi Nina,
    Quando vi este trailer demorei para entender que não se tratava, exatamente, de um filme internacional e isso foi uma grande surpresa, pois, geralmente eu não me interesso por filmes nacionais, talvez seja por ter um pré-conceito (não vou negar), mas também porque são tramas que não me deixam muito curiosa. Soundtrack trás uma proposta diferente e a forma como a trama é desenvolvida é o que mais me chamou atenção. Não me lembro quando foi a última vez que assisti a algum trabalho do Selton Mello, então será uma boa experiência acompanhar sua interpretação ao lado de atores estrangeiros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sou bem preconceituosa com filmes brasileiros (também adimito isso). Mas cada vez missão vejo que o problema está em que produções "menores" acabam recebendo menos destaque na mídia e são ofuscadas pelas comédias pestelhões que já estamos mais do que cansados. Vale muito a pena ver esse filme!

      Excluir
  10. Nina!
    Coincidência ou não, vi Seu Jorge essa semana no programa do Pedro Bial e ele falou um pouco sobre a experiência de ter feito esse filme e disse que ampliou seus horizontes.
    E vejo que esse filme também tem ampliado o mercado cinematográfico nacional, porque era muito mal visto antes e agora que consegue trazer filmes de categoria como este.
    Quero assistir.
    Um maravilhoso final de semana!
    “Não saber é o que torna nossa vida possível.” (Lya Luft)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Acho que não foi coincidência. Acredito que ele tenha sido convidado justamente por causa do lançamento do filme. Sim, acho que ele acrescenta bastante para o cenário cinematográfico nacional :)

    ResponderExcluir
  12. Nossa, o enredo desse filme é bem diferente! Confesso que pelo nome eu não tinha me interessado, mas sua resenha me deu uma visão totalmente diferente do filme. Quero ver!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vê sim, Carol!
      Depois me diz o que você achou
      xx

      Excluir
  13. Eu não conhecia este filme, e realmente após assistir o trailer da para se ter dúvidas se ele é brasileiro, fiquei surpresa por ele ser, e bem curiosa para assistir, parece ser um filme bem interessante.

    ResponderExcluir
  14. Olá, só por não ser comédia o filme já vale a pena, pois todos sabemos que os estúdios têm medo de inovar no cinema nacional, recorrendo às famosas comédias genéricas. O longa mostra que o ser humano tem a necessidade de se comunicar com os outros, algo inerente a aceitar as diferenças. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Alison. É tão bom ver o cinema brasileiro se arriscando mais e saindo desses esteriotipos. Beijos

      Excluir
  15. Ola!
    Gostei do filme, essa mistura de nacional com internacional fico bem legal. A trama é bem diferente e tem aquela premissa que faz com que ficamos ligados à história do filme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A mistura é bastante interessante, Lily. Vale a pena só para poder conferir isso. Mas a história realmente é muito envolvente emocionalmente.

      Excluir
  16. Eu não conhecia esse filme, e confesso que se tivesse visto ele passando em algum lugar, nem daria muita atenção pra ele (só um pouco preconceituosa com filmes brasileiros). Mas conhecendo um pouco do filme, fiquei com bastante vontade de ver também. A história dele parece ser ótima, e acho que também vou dar uma chance ao filme :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tenho meu pé atrás com produções nacionais e, confesso, que eu fui esperando ser pouca coisa. Mas é um ótimo filme! Depois quero saber o que você achou ;)
      beijos

      Excluir
  17. Realmente esta mescla de filme nacional, com uma trama com uma premissa internacional me deixou bastante curiosa e entusiasmada, porque pelo trailer, me pareceu ter sido muito bem construído. O fato desses atores terem sido escolhido para interpretar seus papeis, só me deixou com mais vontade de assistir ao filme, já que ambos trabalham tão bem.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá uma chance para esse filme, Lana. Pelo seu comentário deu para perceber que você entendeu bem os pontos fortes do filme e tem tudo para gostar :)

      Excluir
  18. Oi, Nina!!
    Gostei muito da indicação do filme, sem dúvida ele é bem diferente dos filmes que assisto regulamente, achei bem interessante a mistura do nacional com o internacional.
    Bjoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marta! Ele sai um pouco da linha da curva da blockbusters trazendo alguns pontos subjetivos, mas a história é linda e vale muito a pena :)
      beijos, amore!

      Excluir
  19. Oi Nina,
    Não conhecia soundtrack, mas adorei a proposta de ser na estação de pesquisa polar. Legal que apesar do embate ciência versus arte os laços de amizade vão se formando.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. O cinema nacional esta com vàrios filmes legais. Antes eu não gostava, hoje tento assisti a todos. E esse filme parece ser bem interessante, sem contar que amo seu Jorge cantando ou atuando, sou fã.

    ResponderExcluir
  21. Oi! Que bom que o filme é nacional (e meio internacional kk) mas não deixou a desejar! Apesar de possuir um tema de amizade, não me interessei e não pretendo assistir. Beijoss

    ResponderExcluir