Título Original: Night School
Autora: C.J Daugherty
Ano: 2015
Editora: Suma de Letras
Páginas: 336
Compre aqui

– postada originalmente por mim no Livros e Chocolate Quente.

Depois de sua terceira prisão, Allie Sheridan, é mandada para um internato chamado Academia Cimmeria, uma escola rígida e principalmente sombria e cheia de mistérios. Allie foi parar lá por ter mudado bruscamente sua personalidade, de menina certinha e estudiosa, para a garota rebelde e problemática, durante meses ela colecionou delitos e tudo como resultado do abandono repentino de seu irmão mais velho Christopher.

Cimmeria tem suas regras e algumas bem rígidas, mas apesar de tudo isso, Allie parece se adaptar. O que a incomoda é o fato de todos os alunos serem de alguma maneira, especiais, vindos de famílias ricas e talentosas. Tudo que Allie e sua família nunca foram. Além disso, em meio as regras dessa nova escola, Allie é informada que não deveria frequentar certas instalações da escola. Estes lugares são organizados por alunos misteriosos, e lá funciona a Escola Noturna. Quebrar qualquer um desses limites podia acarretar sua expulsão. 

Até o final do livro, pouco se sabe sobre a Escola Noturna e como a mínima informação sobre isso acontecer apenas no final do livro vou deixar de fora da resenha para evitar spoilers. Ninguém sabe o que ela é, e os que sabem fingem não saber, é extremamente proibido falar sobre ela. Durante toda a leitura vamos coletando dados e detalhes, pouco a pouco e muito lentamente. A leitura acabou sendo arrastada para mim, por que até metade do livro quase nada acontece, e os acontecimentos que acontecem não são explicados da maneira que queria.

Os personagens secundários são bem presentes na trama e alguns bem desenvolvidos e importantes ao longo da leitura, mas a dualidade de alguns atrapalha. Se é um ponto positivo eu ainda não sei. Ao mesmo tempo que confiamos em um personagem cegamente em uma página, na próxima, já não confiamos tanto assim. Sem falar na formação de alguns laços repentinos e daqueles que são quebrados da mesma forma. De qualquer maneira, é isso que acaba prendendo o leitor, deixando-o atento a qualquer detalhe.

Um ponto negativo foi o fato da autora ter forçado algumas cenas românticas onde não deveria existir, e isso me incomodou um pouco. Allie se vê envolvida por Sylvain e Carter e também tem seus colegas Jo, Jules, Rachel, Gabe e Lucas, todos com suas peculiaridades e segredos, é claro! Tudo isso faz com que o leitor e a própria Allie, não saiba em quem confiar, quem está contando a verdade? A onda de mistério e segredos que envolvem todos dentro de Cimmeria é sempre presente, ainda mais depois de uma série de fatos macabros acontecerem, incluindo a morte de uma aluna. Tudo isso, mesmo que indiretamente acaba envolvendo Allie, que pode estar em perigo.
Apesar da capa e o nome enganar um pouco, não estamos diante de mais um livro, ou melhor, de mais uma série sobrenatural. Pelo menos, não até agora pelo que me foi apresentado no primeiro livro. C.J. Daugherty conseguiu criar uma boa história, com alguns fatos surpreendentes e nem um pouco clichês, mas apesar da trama correr para algo original e inteligente, ela pecou em sua narrativa e desenvolvimento, mesmo com uma ótima ideia, acredito que tenha sido mal executada (mas não totalmente OK?!).

Escola Noturna é o primeiro livro de uma série de cinco livros, e provavelmente toda esta falta de desfechos seja por este motivo. Sendo o primeiro, apenas o livro introdutório para todo o enredo que deve se desenrolar a partir daqui. É um livro teen e por este motivo o livro não funcionou totalmente comigo, principalmente por eu não me identificar mais com a idade dos personagens. Como não sou de começar uma série e não terminar, pretendo dar continuidade à ela e espero realmente que a autora evolua mais nos próximos volumes, quero descobrir se toda esta falta de explicação realmente terá uma explicação.

Confira a série Escola Noturna

1. Escola Noturna

2. Escola Noturna: O Legado

rela
ciona
dos