Resenha: Ligeiramente Escandalosos

Título Original: Slightly Scandalous
Autora: Mary Balogh
Ano: 2015
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Compre aqui

- postada originalmente por mim no Livros e Chocolate Quente.

Quem me acompanha sabe o quanto adoro a série Os Bedwyns da autora Mary Balogh. Foi amor a primeira "lida" hahaha. Antes de ler a resenha do terceiro livro, confira a dos anteriores, Ligeiramente Casados e Ligeiramente Maliciosos.

Ligeiramente Escandalosos é o terceiro volume dessa série, e desde que li o primeiro capitulo dele, ainda em Maliciosos eu já sabia que daria muitas gargalhadas com a irreverente Freyja Bedwyn. Depois de acompanhar os enlaces amorosos de dois irmãos Bedwyns chegou a hora de conhecer a história de Freyja, a irmã mais velha e também a mais (possivelmente) teimosa da família.

Durante toda a história da família, a autora deixa claro que os Bedwyns são pouco afetivos e arrogantes. Pura balela, eu logo fui desmascarando esta ideia através dos dois primeiros volumes da série, porém agora com a Freyja, eu vi a personificação da personalidade dessa família inteira em uma só pessoa. Freyja é teimosa, porém astuta, orgulhosa, destemida e muito à frente de sua época.


Freyja já está com 25 anos de idade, e depois de uma recente decepção amorosa não sonha mais com o casamento perfeito, ela não se renderia as exigências da sociedade e não se casaria por obrigação, até que em um primeiro e um segundo encontro inusitado com o marquês de Hallmere, Joshua Moore promete movimentar a vida de Freyja que andava tão tediosa.

Como qualquer libertino que se preze, Joshua está aproveitando os benefícios da riqueza, aproveitando a vida, longe de casa. Joshua é muito belo, charmoso e principal, querido por todos. Mas sua rotina tem um proposito, faz pouco tempo que ele herdou sua herança, de forma inusitada, e por este motivo ele foge do compromisso de voltar para casa, sua casa por direito. O que não agrada em nada sua tia, a marquesa que pretende de todas as formas manter o título em sua família.


Freyja e Joshua tem muitas coisas em comum, ambos não fogem de uma aposta, adoram um desafio. Esta química promete laçar muitos momentos ótimos, momentos engraçados e até acalorados. Tudo para ambos, é uma boa oportunidade para diversão, e é claro que juntos, eles mantêm a sociedade de Bath entretida com todas as confusões em que se metem. É como se os dois atraíssem confusão, e gostam disso.

O que mais gostei nesse livro é o aprofundamento que a autora fez em cima da família protagonista da série, família já tão querida por mim. Se nos outros volumes os Bedwyns já se provaram unidos diante de alguns contratempos, em Ligeiramente Escandalosos ela começa a demonstrar seus pontos mais vulnerareis. 

O amor sem dúvidas vem modificando Os Bedwyns e aquecendo cada coração. Mas é claro, que o mais misterioso e o Bedwyn que mais tenho curiosidade de desvendar é sem dúvidas Wulf. Ao mesmo tempo que notamos a relação a distância que ele tem com seus irmãos, sentimos o amor que ele tem por cada um, cada um com sua devida importância, e o principal, percebemos a reciproca de sentimentos entre eles, antes estagnados numa filosofia que todos os Bedwyns deveriam seguir apenas pelo caminho mais frio.


De todos os livros este é o livro que tem menos romance, é o livro em que os personagens mais lutam contra seus sentimentos, a ponto de me deixar nervosa, mas por outro lado, é o livro que mais me deu detalhes da personalidade de cada personagem, inclusive dos coadjuvantes. Isso sem dúvidas é um ponto positivo para ele.

A capa criada pela Arqueiro, mais uma vez, está um arraso. Literalmente um escândalo, a modelo está perfeita e representou bem o olhar de Freya. Todas as capas dessa série são lindas, inclusive a prévia de Ligeiramente Seduzidos que você pode encontrar no verso do mesmo. Este será protagonizado por Morgan, a irmã mais nova da família.

Se você adora, assim como eu, quando os romances são protagonizados por personagens que carregam um humor ácido, com respostas na ponta da língua, leia este livro. Se aventure por ele e depois, se preferir, se aventure na série, apesar de juntos serem uma, não há a necessidade de ler em ordem. Conheça Freyja, uma personagem que demonstra toda a força da mulher e sua independência, indomável, intensa e complexa, tudo que prende leitores apaixonados!

Confira as resenhas anteriores:

9 comentários

  1. oooi, tudo bem?
    Vejo muitos comentários positivos sobre essa série. Ainda não tive a oportunidade de ler, mas adoro romance.
    Eu gosto bastante das capas que a Arqueiro cria. ^^
    BIO-LIVROS | PÁGINA | Produtos Natura

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Adoro romances de época! Conheci essa série há pouco tempo, e até então não tinha lido nenhuma resenha. Mas depois das suas três, acho que vou gostar bastante! Me lembrou bastante a série dos irmão Bridgertons. Jane Austen e Julie Quuin já estão na minha estante, com certeza Mary Balogh já está conquistando seu espaço. Parabéns pela resenha!

    www.booksimpressions.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oiii,

    Ótima resenha, sempre que posta, fico com vontade de parar minhas leituras para te acompanhar.

    Beijinhos
    http://nossomundorose.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua resenha! Essa série é demais, também adoro e estou louca para sair o próximo. Os Bedwins são apaixonantes. Você sabe quando será o lançamento? O que eu espero com mais ansiedade é o que terá como foco o primogênito, Wulfric.
    bjs

    http://amo-os-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do casal Freyja e Joshua, história de amor e ódio, tendo um final feliz, a capa está muito sedutora, ótima indicação, beijos..

    ResponderExcluir
  6. Oi!!! Tudo bem?
    Ainda não tive a chance de ler este livro que já está na minha lista a um bom tempo. O que me desanima uma pouco é o fato de ser história de época.

    Aproveitando para avisar que tem indicação de prêmio no blog, passa lá e confira.
    http://livrosqueliblog.blogspot.com.br/2016/02/premio-dardos.html

    Beijos
    Carla Fernanda

    ResponderExcluir
  7. Quero muito ler essa série, mas como nunca li romance de época sempre fico perdida com os duques, marqueses e etc que aparecem na história, espero que isso não me confunda quando eu começar a ler o gênero. Fiquei super curiosa com o casal e imaginando as confusões que eles devem aprontar durante a história. Parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  8. Não gosto de romances de época, mas a série Os Bedwyns conseguiu me envolver de uma forma surpreendente, pela inovação e originalidade da escrita da Mary Balogh, a mesma que nos propõe os clichês de época, mas que não deixa de mostrar-nos reviravoltas nas suas histórias. Ligeiramente Escandalosos não podia deixar de me envolver. Quero lê-los, em breve.
    TAG | Venha o Diabo e Escolha!, arafaelagodoy.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Joi! Tudo bem?

    Que saudades de passar aqui ♥

    Eu também adoro essa série e essa família. Achei incrível o fato da autora trabalhar mais com os personagens - tanto é que esse é meu livro preferido da série (apesar de eu amar o segundo também).

    Beijos,

    Pah - Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir