Na pequena cidade de Echo Ridge o sumiço de belas garotas comove a cidade há tempos, os crimes não resolvidos ainda são lembrados e entre as garotas sumidas está a tia de Ezra e Ellery, dois adolescentes que são obrigados a ir morar com a avó na cidadezinha do interior.

Os moradores de Echo Ridge agem como qualquer população normal de cidade pequena, preferem varrer para de baixo do tapete as garotas desaparecidas, mas quando forasteiros chegam, vindos de outro lugar, adoram remexer nos podres que assombram o local, o motivo talvez seja para procurar alguma graça na vida ou talvez para serem expulsos e não precisarem mais viver naquele fim de mundo.

É claro que Ezra e Ellery irão passar por muitos perigos, que suas vidas vão passar a correr riscos e que a cada passo que darão em direção ao passado de sua família e de Echo Ridge os deixarão mais perto do assassino dessas garotas e seu retorno. Será que a cidade receberá bem suas investidas?

Karen M. Mcmanus estreou no mundo literário com uma grande obra, Um de Nós Está Mentindo. A ótima vendagem e o apoio da crítica com seu primeiro livro fizeram que ela seguisse o mesmo caminho no segundo, é muito nítido que ela buscou trazer para sua segunda obra as mesmas características que a fizeram entrar nesse mercado, o que não é ruim, mas a fez correr alguns riscos.

Nesta segunda leitura, o desenvolvimento da trama me incomodou um pouco, pois durante o livro a escritora gosta de dar pistas para o leitor de como o caso irá ser solucionado, levando-o para o caminho errado sempre. Não acho isso um problema enorme, porém, quando você vê que já é a quarta vez que é enganado no mesmo livro, você sente que a história que está sendo contada perdeu completamente sua credibilidade e passa até a questionar a capacidade intelectual dos personagens e a se irritar com a forma como eles pensam.

Porém é bem verdade que este é um livro colocado nas prateleiras dos infanto-juvenis, o que significa que ele não tem como público alvo um leitor voraz de 30 anos, como eu. Essa estratégia de enredo cheio de surpresas e reviravoltas deve fazer o leitor adolescente se apaixonar cada vez mais pelo livro, o que é um ponto positivo para fisgar novos leitores que poderão se identificar com os conflitos e situações abordados na trama.

Mas independentemente da idade do leitor, Mortos Não Contam Segredos possui pontos incríveis, como a descrição das cenas e a maneira como a narrativa ambienta o leitor ao cenário, com características muito presentes na construção narrativa de Mcmanus, além de cenas fortes, até mesmo para adultos. Sua narrativa me lembrou demais o estilo de escrita de Raphael Montes, inclusive na questão de sempre tentar enganar o leitor durante a trama.

Karen M. Mcmanus lança sua segunda obra e apesar de algumas falhas, se torna uma das melhores escritoras do seu estilo literário com foco no público jovem, fazendo adolescentes gostarem de ler e se viciarem nas suas tramas de tirarem o fôlego, mas que servem também para leitores mais velhos que gostam de boas histórias com personagens lutando contra a maldade e correndo perigos, com seus problemas físicos e psicológicos, que fazem qualquer personagem ser cativante ou odiado.

  • Two Can Keep a Secret
  • Autor: Karen M. Mcmanus
  • Tradução: Petê Rissatti
  • Ano: 2019
  • Editora: Galera Record
  • Páginas: 347
  • Amazon

rela
ciona
dos

Os melhores contos de terror para você ler Livros para ler neste Halloween