Louise é uma jovem que inicialmente nos é apresentada, como uma ladra, que está fugindo de algo e que precisa desesperadamente conseguir um artefato mágico, artefato este que não demora para que descobrimos se tratar de um anel mágico, ou melhor, um anel que anula a magia. É quando nos tornamos cientes de que ela na verdade é uma bruxa, uma que não pratica a magia a muito tempo, e que este anel pode significar sua sobrevivência. Por não ter aonde ir, se usa de artimanhas para sobreviver, rouba, engana, está sempre em movimento, ou se preferir, sempre em fuga, morando escondida no sótão de um teatro.

Mas ela não está sozinha, ao seu lado sua fiel amiga Roco, que também é uma bruxa, porém de outro clã, o que significa que a magia de ambas se manifesta de maneiras diferentes. Enquanto que Lou é uma Damas Blanches, Roco é uma Dames Rouges, dois convens poderosos e tidos como inimigos, mas que não foram capazes de separar estas duas aliadas. Juntas elas embarcam em uma perigosa missão… só que os planos não saem como o planejado e Lou acaba presa a um inimigo declarado.

“Uma bruxa e um caçador de bruxas unidos em sagrado matrimônio. Só havia um final possível para uma história assim — uma estaca de madeira e um fósforo.”

Reid é o chefe da guarda real, o grande nome por trás da tropa de caçadores de bruxas, um Chasseur, homem criado de maneira rígida, servo e temente a Deus e ao Bispo, vivendo em nome de sua farda e Balisarda, uma espécie de espada, uma arma que tem o poder de neutralizar a magia das bruxas. Ele vive por um único lema, que é jamais deixar uma bruxa viva. Só que mesmo sem saber acaba tendo seu caminho cruzado a uma, devido a uma situação constrangedora e comprometedora que o obrigará o matrimonio.

Ambientado na França em um período de caça às bruxas, soberania da igreja, onde todas as mulheres que fossem vítimas de uma suspeita de bruxaria acabavam queimada na fogueira. Pássaro & Serpente, irá te levar por uma jornada turbulenta de uma jovem que mais teme seu passado do que a própria fogueira. Lou é determinada, corajosa, sarcástica e impetuosa, ela sabe o “destino” que sua mãe e clã tem reservado para ela, e tenta a todo custo mudá-lo.

Essa briga ao qual estão tentando arrastá-la é antiga e as bruxas acreditam serem capaz de acabar diante de um sacrifício. E é buscando mudar sua história, encontrar um novo caminho longe de todos que a conhecem, é que Lou se depara com Reid um extremista religioso, cheio de regras, crescido em um meio rígido, um caçador de bruxas, determinado a exterminar todas elas, e que por uma artimanha de uma rebelde, irá terminar casado com uma… só que sem saber.

Sabe aquele enemies to lovers que amamos acompanhar… exatamente. Lou se recusa a acatar qualquer ordem que venha dele, jamais abaixando a cabeça, o desafiando e enfrentando em todas as oportunidades… Reid não sabe como lidar com aquela que agora é sua esposa, a mulher é uma afronta aos bons costumes, tem uma língua afiada, faz tudo ao contrário do que deveria ser feito, o tipo errado de mulher que um dia ele considerou tomar como esposa. Só que a convivência, o conhecer o passado, alguns dos segredos que ambos carregam, as barreiras começam a serem destruídas. E a proteção, cuidado, primeiro por obrigação pelos votos do casamento, passa a torna um item do carinho e amor que vão desenvolvendo. Opostos que acabam equilibrando um ao outro.

Isso não significa que Reid estará preparado para a verdade sobre sua amada e até mesmo sobre seu próprio passado. A confusão que ficará sua mente, assim como todo o turbilhão de emoções que irá sentir, não deixará pedra sobre pedra.

Para mim, os principais pontos, ou pelo menos os que mais me chamaram atenção ao longo da leitura começa com a caça às bruxas, é preciso se ter em mente toda a ambientação, período no qual a autora escolheu contar sua história e todas as implicações disto. As bruxas são várias vezes chamadas de coisas, não são vistas como mulheres, e sim como demônios, monstros que precisam ser exterminados porque só fazem mal. Principalmente pelo olhar da igreja e todo radicalismo do seu líder, o bispo. E olha… esse bispo é terrível, ver a igreja como uma figura de tanto poder, ordenando verdadeiras caçadas e morte de mulheres na fogueira é cruel demais.

Ainda a preciso trazer mais um ponto que é o casamento forçado, a pouco idade de Lou quando se vê submetida a um casamento não desejado. Ela tem quinze anos, porém essa idade era tida como uma idade casadoura na época, tendo jovens se casando ainda mais jovens do que ela. Mas saber deste fato, não torna a informação menos chocante para o leitor.

E por fim, a magia como um todo. Eu amei ver a forma como as bruxas mesmo tendo poderes, não são poderes extraordinários, para ser usada ela precisa de equilíbrio. Então você dá algo para conseguir realizar sua magia e ela sempre deixa uma “cicatriz”, e um cheiro adocicado, enjoativo, no ar. Outro ponto interessante é que cada clã, possui uma magia diferente, se manifestando de maneiras diversas.

“Aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu.”

Eu gostei bastante da leitura, do romance e a forma como ele foi desenvolvido, assim como, das críticas sociais, apontamentos ao machismo e intolerância religiosa. Tem reviravoltas interessantes, mas também tem abuso de clichês e acontecimento que acabam se tornando óbvios, o que não significa que a obra deixe de ser cativante, ou até entregar algumas surpresas. É uma Leitura rápida, fluida que prende o leitor e que o deixa curioso querendo saber o que a Lou tanto esconde e porque ela vive em fuga. Assim como, todo o mistério que ronda as bruxas e a monarquia.

Se você está à procura de uma fantasia que envolva bruxas, caçadores de bruxas, profecias, traições, vingança e briga por poder, tudo isso em meio a uma França medieval, Pássaro & Serpente é o livro certo para você. E já aviso, a forma como ele termina, vai te deixar alucinando querendo o próximo da trilogia – Sangue & Mel.

  • Serpent & Dove
  • Autor: Shelby Mahurin
  • Tradução: Glenda D’Oliveira
  • Ano: 2021
  • Editora: Galera Record
  • Páginas: 504
  • Amazon

rela
ciona
dos

Men: Novo filme perturbador ganha trailer nacional Adaptações literárias que estreiam em agosto Novo trailer de John Wick e novidades da franquia Novidades sobre Halloween Ends, último filme da franquia