Resenha: Série Fallen – Tormenta

11 jun, 2014 Por Lili Dalpizol

Título Original: Torment
Autora: Lauren Kate
Ano: 2010
Editora: Galera Record
Páginas: 391
Compre aqui
Esta resenha será sobre o segundo volume da série Fallen e poderá conter spoilers
Coisas ruins acontecem com pessoas normais. Faz parte da vida. Porém, para Luce, nada parece normal. Nada é normal. Após as loucas descobertas na escola Sword & Cross, a vida de Luce nunca mais foi à mesma. Descobrir que muitos dos seus amigos são anjos ou demônios, e que inclusive o seu grande amor, Daniel é um anjo caído, deixou Luce sem saber no que acreditar. Uma batalha foi travada na sua escola entre o bem e o mal… e tudo indica que Luce está bem no meio do furacão. 
Daniel não fornece muitas informações. Informações estas que Luce precisa para entender o seu passado. Entender o porquê do seu romance com Daniel ser tão complicado, entender o seu futuro… Só o que Luce sabe é que sua vida corre um grande perigo. Outra informação que lhe foi fornecida, é que o romance que ela tem com Daniel é de outras vidas. E que o final do romance, foi sempre o mesmo. Aos 17 anos, a Luce envolvida com Daniel morre de maneira drástica. No meio do turbilhão de emoções, a perda de amigos, a distância dos pais e de Daniel, Luce fica animadíssima com as notícias de Daniel. Ela deve tomar um avião até a Califórnia e encontrá-lo.

Chegando lá, tudo o que Luce quer, é ficar envolvida em seus braços, recebendo seus beijos e cuidados. Quando fica sabendo que está sendo enviada para outra escola, a Shoreline, Luce fica desolada. Mais uma vez Daniel a deixaria sozinha? A explicação para o novo abandono? A nova escola é repleta de Nephilim, e esse, seria o melhor lugar para manter Luce escondida. Nephilim são os filhos dos anjos caídos com humanos, e frequentam a escola para se aperfeiçoarem e aprender tudo sobre o meio em que estão inseridos. Mas por que ela tem que se manter escondida? Nada faz sentido.

“Não ventava mais, o ar em torno deles era silencioso e calmo. Os únicos sons eram as asas de Daniel batendo enquanto eles pairavam no céu, e o das batidas de seu coração.”


Luce chega na Shoreline a noite e após alguns poucos instantes com Daniel, é encaminhada ao seu novo quarto pela professora Francesca, que Luce percebeu se tratar de mais um anjo caído. Com o coração ainda doendo de saudades Luce é acordada na manhã seguinte por sua estranha colega de quarto, Shelby. A garota parecia ser a única no lugar a detestá-la, e Luce não entendia o motivo.
Shoreline, nada se parece com Sword & Cross, a escola é limpa, ampla e luxuosa, situada no alto de uma colina. Os alunos aparentam tranquilidade, leveza e alegria…tudo muito diferente da antiga escola. Luce não sabe se fica aliviada ou em pânico. As pessoas lhe observam, mas Luce não observa hostilidade, apenas curiosidade. Mas por que as pessoas estavam curiosas com relação a ela? Eles eram os diferentes..ou será que todos sabiam o que havia acontecido em Sword & Cross? Um rapaz de lindos olhos azuis vem conversar com Luce, Miles, e com toda sua normalidade, logo tornam-se amigos.
Além de Miles, Luce consegue fazer amizade com Shelby (sua colega de quarto), Dawn e Jasmine. E apesar da forte dor que brotava no seu peito pela saudade que sentia de Daniel, Luce sentia-se reconfortada por ter sido tão bem acolhida em Shoreline. Os alunos, humanos e Nephilim, tratavam Luce como uma celebridade, e pelo visto, era o que ela realmente era. Todos pareciam saber de sua milenar história de amor com Daniel, e todos achavam romântico, coisa que para Luce estava bem mais para maldição. Atrás das respostas sobre o seu passado, Luce aprendeu com os professores Francesca (anjo caído) e Steven (demônio) que aquilo que ela chamava de sombras eram anunciadores, e possuíam informações sobre o passado.
A alertaram sobre os perigos de entrar em contato com estas criaturas, uma vez que não se pode controlar o que será visto, e estes poderiam também distorcer as visões. Mas Luce estava sedenta por informações, e com a ajuda de Miles e Shelby, mais e mais anunciadores foram visualizados, e até atravessados, dando para Luce não só respostas, mas muitas (mais) dúvidas. E se tudo o que Daniel falou até hoje fosse uma mentira? E se não fosse para os dois ficarem juntos? E todos os pais de Luce do passado que ficaram inconsoláveis com a perda de filha de apenas 17 anos, Daniel era tão egoísta assim?
Em meio a todo o turbilhão de emoções, Luce quase não via Daniel, e quando o via, ambos brigavam e não conseguiam se entender. O ciúme doentio de Daniel parecia aumentar a cada encontro, e a proibição imposta a Luce para fazer qualquer coisa, foi apenas a gota d´água para que Luce fizesse o que bem entendesse… mais de uma vez. A irresponsável Luce, entendeu a gravidade da situação em que se encontrava, quando mais de uma vez foi salva por Cam. Mas por que Daniel, ou os professores, ou qualquer pessoa lhe explicavam por que Luce estava sendo caçada? E quem eram aquelas criaturas de olhos esbranquiçados? E que outras terríveis respostas poderiam conter nos anunciadores? Quantas mentiras mais Luce teria que contar aos atuais pais?
Confesso que no início do livro, pensei… Nossa, acho que a autora se perdeu na história, apostou todas as fichas no primeiro livro, agora ficou sem nada para nos contar. Mas a cada página fui me surpreendendo, o livro foi me ganhando e quando percebi, não conseguia mais larga-lo. Demorei dias para ler 50 páginas, e as outras 340 li em apenas dois!
Ainda não li a continuação da série Fallen, o volume três – Paixão, mas não vejo a hora! É uma história que vai crescendo e ainda tem muito a revelar. O final de Tormenta é instigante, e deixa o leitor atônito! Preciso urgente continuar com essa aventura! Assim que tiver novidades sobre Paixão venho e conto todos, os detalhes para vocês!
Enjoy!
XO!

Confira a série Fallen:

1. Fallen

2. Tormenta

3. Paixão

4. Êxtase

rela
ciona
dos