Título Original: Chosen
Autora: Ginger Garrett
Ano: 2016
Editora: Ágape
Páginas: 336
Compre aqui
A Escolha – Os Diários Perdidos da Rainha Ester é o primeiro livro da série Amores Perdidos da Bíblia da autora Ginger Garret. A autora é especializada criar romances em cima de histórias não ficção bíblicas, explorando as vidas de muitas mulheres da história.
Ester é uma dessas mulheres, e a autora usa de uma ferramenta bastante interessante para contar sua história, através de seus diários perdidos, seremos guiados pela viagem de Ester, desde a vida de camponesa judia ainda como Hadassah até a próspera vida da como Rainha Ester.
O testemunho de Ester pode ser encontrado na bíblia, mas não da maneira que a releitura de Garret traz. Quando ainda jovem, Hadassah foi levada pelo povo persa como serva, devido sua beleza, para viver no palácio do reino de Pérsia. A partir daí, ela seria chamada de Ester, em homenagem a uma Deusa Antiga. 
As mulheres daquela época mal podiam sonhar com um futuro. Elas não tinham voz para nada, mesmo sendo Rainhas, vide a Rainha Vasti que negou um favor ao seu marido e acabou exilada do palácio. É depois desse acontecimento que Ester acaba tendo seu destino cruzado com o Rei. Ela não tinha escolha, ela seria treinada e preparada para seduzir o Rei Assuero, ou como é conhecido Xerxes (imaginei o Rodrigo Santoro o tempo inteiro durante a leitura), e ser digna para o posto de Rainha.

Para isso, Ester teve que deixar tudo para trás, seu pretendente Ciro, seu único familiar vivo, seu povo e até suas crenças. Como ironia do destino, não querendo se destacar entre as candidatas, por sua introspecção acaba sendo notada e recebe mais atenção entre todas, colocando-se em perigo, pois as outras mulheres estariam dispostas a matar caso fosse necessário, valia tudo para ser a Rainha.
Bem, este é plot principal do livro, através do seu desenvolvimento que acompanharemos o crescimento da personagem entre as páginas. Ester se mostra não só como uma personalidade forte, mas confiante o bastante para tomar as decisões corretas quando precisa. O relacionamento de Ester com Xerxes também é bem explorado e aprofundado, ficando óbvio a mudança de comportamento do Rei com Ester em sua vida. 
A autora aborda em uma história antiga, assuntos que ainda são debatidos hoje em dia, como o machismo, o posicionamento da mulher, culto a beleza, entre outras pequenas críticas que iremos pescando durante a leitura. Infelizmente, naquela época as mulheres não tinham muita escolha, e a personagem principal mostra que mesmo dentro dos limites impostos pela época, consegue fazer a sua dentro de seus princípios, valores, e principalmente, carácter que seu tio, Mardoqueu, ajudou a formar. Ester é uma personagem grandiosa, que não tem medo e afronta o que vier para salvar os Judeus, mesmo que o preço possa ser sua vida.

A série tem sido lançada pelo selo Ágape da Novo Século, e o design gráfico do livro está perfeito, totalmente condizente. A diagramação está ótima para a leitura e junto das páginas podemos encontrar alguns comentários de rodapé para nos orientar em algumas passagens. Para você que gosta muito da história do mundo, de uma boa releitura ou simplesmente é um curioso assim como eu, tenho certeza que a história de Ester vai fisgar você.
Fiquem ligados nos próximos volumes da série que devem ser lançados ainda em 2016. A história de Sansão e Dalila em O Desejo e a da Rainha Jezabel que levará o nome de O Domínio.


>

rela
ciona
dos