Essa resenha pode conter spoiler de Os Seis Finalistas. A Descoberta Final é segundo livro da duologia, da autora Alexandra Monir, lançado recentemente pela editora Jangada.

Começamos A Descoberta Final com um prólogo bastante tenso para os nossos seis finalistas, pois o sistema de comunicação da nave em que eles se encontram, simplesmente sumiu.

Naomi Ardalan com os outros cinco finalistas finalmente estão na nave Pontus a caminho de Europa, uma das luas de Júpiter. Porém, Leo não está entre eles, pois não passou no teste final. Mesmo assim, Naomi sabe que ela é necessária nessa missão, após a grande descoberta de que há vida em Europa, fato esse que foi ocultado de todos. O medo é que essa vida em Europa seja perigosa para eles e Naomi assume para si a responsabilidade de ajudar como puder seus companheiros de nave.

A cada dia que passa, ela sente ainda mais que há muitas coisas que o comandante da missão em solo, a general Sokolov, e o doutor Takumi, não os contaram. E as coisas se complicam quando a comunicação com a Terra é interrompida: o transmissor de comunicação desapareceu. Quem pode ter feito isso? Quem da tripulação da nave quer mantê-los isolados?

Enquanto Naomi está sem comunicação no espaço, Leo Danieli ainda não desistiu de ir ao encontro dela e dos outros finalistas. Com a ajuda da doutora Greta Wagner, antiga integrante do programa Europa, Leo pretende levar informações importantes para os finalistas e ficar junto de sua amada Naomi. Mesmo correndo muitos riscos de não conseguir alcançar a nave Pontus, Leo quer arriscar tudo nessa missão e fazer o possível para alertar a todos sobre os perigos de Europa.

A Descoberta Final segue a mesma pegada do livro anterior, nem parece que houve uma pausa entre um livro e outro. Assim como em Os Seis Finalistas, esse livro tem uma pegada de ficção-científica bem leve e de fácil compreensão. Continua sendo uma boa leitura para quem quer iniciar nesse universo sci-fi.

Sobre os personagens, não houveram muitas mudanças, apenas o acréscimo da doutora Greta que foi apenas citada no livro anterior. Ainda temos Naomi e Leo no comando dos capítulos, mas com uma surpresa no epílogo, pois os dois livros têm a intenção de formar apenas uma duologia, mesmo que o final sugira uma sequência com outro personagem no comando. A Descoberta Final trouxe uma abertura para a situação atual da Terra… será que a autora escreverá um terceiro livro? Cheguei a questionar a editora Jangada sobre uma possível continuação e eles acreditam que sim, mesmo que nada tenha sido dito pela autora Alexandra Monir. Quem sabe?

O tempo todo, pensávamos que o universo girava à nossa volta. Mas isso nunca foi verdade.

Mesmo com a conclusão da duologia, eu achei que a resolução de algumas coisas ficou confusa. A autora poderia ter trabalhado melhor a parte dos personagens em Europa, mesmo que tivesse a intenção de no futuro escrever uma continuação. Esse foi um ponto que me incomodou. No entanto, no geral foi uma leitura gostosa e fluída, traz uma tensão sobre o futuro incerto dos personagens e vários percalços até que eles possam finalmente ter uma noção sobre como tudo se resolverá.

  • The Life Below
  • Autor: Alexandra Monir
  • Tradução: Jacqueline Damásio Valpassos
  • Ano: 2021
  • Editora: Jangada
  • Páginas: 288
  • Amazon

rela
ciona
dos

Os melhores contos de terror para você ler Livros para ler neste Halloween