Entre e se enlace nesta trama cheia de segredos, amor e vingança!

Fazem quatro anos desde que Louise e Andrew se separaram, porém ela ainda não superou o término do relacionamento. Agora, Andrew vive com outra, Caz, que engatou um relacionamento com Andrew uma semana após Louise dar à luz ao filho mais novo do casal. Ela era a amante. Mesmo assim, Louise sempre tentou superar toda a mágoa em prol dos seus filhos e por conta disso Louise e Caz tentam se tolerar, tarefa nada fácil visto as inseguranças de cada uma.

Louise ainda possui muito rancor e ama o ex-marido, e Caz, mesmo sendo mais jovem, possui muitas inseguranças em relação a Andrew, afinal, Louise sempre estará presente em sua vida. O clima amistoso entre as duas não se sustenta e ambas vivem tentando atingir uma à outra. O clima de festa ocasionado pelas bodas de ouro dos pais de Louise, tem tudo para dar uma acalmada nos ânimos, se não fosse o fato de Andrew e Caz também terem sido convidados.

O que era para ser uma grande celebração, acaba virando palco para um assassinato. Na cena do crime, o corpo de Andrew completamente ensanguentado e ao lado dele, Louise e Caz. Quem será a culpada?

Em Ex/Mulher teremos uma narrativa intercalada em pontos de vistas bastante variados. A princípio acompanharemos esta investigação através dos interrogatórios da polícia, que entrevista familiares, amigos e depois as próprias acusadas. Através desses depoimentos iremos desvendar a verdade por trás desse crime, voltando há sete semanas antes da festa. Os capítulos são rapidinhos de ler e logo você se vê completamente envolvido pela história, por todas suas teorias e possíveis desfechos que irá criando.

Este dinamismo na leitura ajuda muito e isso se mantem desde o começo, já que iniciamos a leitura exatamente no ponto em que Andrew é assassinado.

Sete semanas é tempo suficiente para que você conheça certos personagens, ou pelo menos, para que você comece a criar sua própria cronologia dos fatos. Os depoimentos, as vezes, são bastante divergentes, mas sempre nos revelam uma grande surpresa em relação ao caráter dos personagens. A ex-mulher não é tão coitadinha assim, Andrew não é nada santo e Caz esconde muita coisa do seu passado.

Aos poucos os podres desses personagens vão sendo revelados e ter conhecimento sobre fatos específicos de suas vidas, nos ajudam a criar uma realidade menos deturbada e mais confiável em relação a eles, que não são nada confiáveis.

Toda esta construção é essencial para que a o desfecho não venha do nada, ele é construído pouco a pouco e pistas sobre a chegada dele são deixadas nos momentos certos. Mas você se engana se acha que poderá facilmente desvendar o final de Ex/Mulher, a autora Tess Stimson nos entrega um final digno de tirar o folego, cheio de reviravoltas, surpreendendo a mais complexa teoria que você possa ter criado.

As relações complexas criadas pela autora vão ganhando força ao longo do livro, que principalmente, nos apresenta mulheres extremamente fortes, com muitos fantasmas… sim, mas que farão de tudo para que nada disso venha à tona e as afoguem ainda mais.

Ex/Mulher nos proporciona uma leitura eletrizante, você literalmente veste sua capinha de detetive e mergulha neste enredo cheio de segredos, amor e vingança. Parabéns a Trama por mais um grande título para todos os apaixonados por thrillers.

  • One in Three
  • Autor: Tess Stimson
  • Tradução: Simone Campos
  • Ano: 2021
  • Editora: Trama
  • Páginas: 304
  • Amazon

rela
ciona
dos

Confira o teaser do novo filme da saga “Jogos Vorazes” Stranger Things: Livros que expandem o universo Todos os detalhes das obras de Cesar Bravo Todas as novidades do spin-off de “Extraordinário”