É com nostalgia e certo pesar que concluí a leitura de Sanditon, uma obra inacabada da autora Jane Austen, que faleceu antes de concluir sua obra. Ao todo ela finalizou doze capítulos e se você conhece a escrita da autora sabe, que isso é praticamente uma introdução ao tudo que ela sempre aborda e apresenta ao leitor. O livro que tenho em mãos é uma edição da Principis, ele é composto por 128 páginas, sendo 96 delas o enredo e as demais um espaço para que você crie o seu final. A edição está lindíssima.

Mas vamos ao que realmente interessa. Aqui conhecemos o Sr. Parker, um homem de visão, apaixonado por sua família e principalmente, apaixonado por seu grande empreendimento, Sanditon, um balneário pequeno e moderno, tido como um investimento lucrativo, mas que ainda precisa de alguns profissionais para tornar tudo altamente confortável e seguro. E é por isso que o Sr. Parker está em uma viagem, ele busca por um médico, um profissional que possa atender em sua propriedade. Durante tal missão, um acidente acontece e o Sr. Parker fica ferido, ao contrário de sua esposa que por sorte, não sofre nenhuma lesão. Por uma grande sorte, conhecem a família Heywoods que gentilmente os abrigou e foram os mais solícitos dos anfitriões. Uma família numerosa, de boa reputação, e que poderiam desfrutar das belezas de Sanditon, e como uma maneira de retribuir, convidam Charlotte, a filha mais velha, a ir com eles para sua propriedade, ao fim de sua estadia.

Os sentimentos de Charlotte estavam divididos entre diversão e indignação, mas a indignação tinha participação maior e crescente. Ela manteve o seu semblante em silêncio civilizado. Ela não podia levar sua paciência adiante…

Com vinte e dois anos, a jovem Charlotte fica imensamente feliz com o convite, é uma oportunidade maravilhosa de poder viajar e conhecer um lugar que parece fascinante e novas pessoas. Ela muito observa, se encanta, aproveita para conhecer cada pessoa mais intimamente, tentando desvendar e comparar cada nuance de suas personalidades.

Sanditon, é um esboço, uma pequena amostra do diamante bruto no qual, Austen estava trabalhando e que prometia conquistar mais uma vez os corações de seus leitores, com um romance cheio de reflexões e muito intenso. A obra se encerra justamente no momento em que um personagem chave chega à trama, alguém que eu acredito que seria o nosso mocinho. É importante reforçar que é uma obra inacabada, por isso a sensação agridoce e de confusão é normal. Os personagens não tiveram tempo o suficiente para serem explorados e esmiuçados. As personalidades estão se revelando. Mas ainda assim, é muito gratificante conhecer mais uma faceta da autora, que caminhava para abordar a vida no campo, o amor por interesse, provavelmente traições, trapaças e reviravoltas até um desfecho de arrepiar.

Fica aqui essa dica de leitura, para os fãs da autora. Essa pequena amostra é um verdadeiro presente.

  • Sanditon
  • Autor: Jane Austen
  • Tradução: Fábio Meneses Santos
  • Ano: 2021
  • Editora: Principis
  • Páginas: 128
  • Amazon

rela
ciona
dos

6 Motivos para ler Estúpida Promessa 7 Clássicos preferidos dos leitores O que esperar da 2º temporada de Bridgerton? Dicas de livros para ler ainda em 2021