Resenha: Geek Girl

Título Original: Geek Girl
Autora: Holly Smale
Ano: 2014
Editora: Fundamento
Páginas: 256
Compre aqui

Ultimamente ando na vibe de ler muitos livros com a temática geek. Não estou reclamando, pelo contrário, como nerd de carteirinha estou adorando ver no papel todo este mundo familiar registrado de diversas formas, por vários autores. O livro da vez é Geek Girl da autora Holly Smale, o primeiro de uma série. Foi incrível ver o quanto me identifiquei com esta história, e com certeza uma "Joice" de alguns anos atrás se identificaria mais ainda. 

Aqui conheceremos Harriet uma geek de 15 anos e que sabe tudo! No mundo em que vive ser uma geek é um erro terrível e por ter gostos peculiares e diferentes do que seus colegas, ela acredita que todos eles à odeiam, e realmente têm quem a odeie. Seu nome é Alexa, a típica patricinha que destila veneno, humilhação, para aqueles que não se encaixam no seu estereotipo, e maldade por onde passa. 

Harriet tem uma única e melhor amiga. Nat tenta arrasta-la por todo evento que vai. Até que em um desses o impensável acontece. Além de geek, Harriet também é o desastre em pessoa, ficar em casa realmente é muito mais seguro. Neste lugar, sem querer ela cria uma grande confusão e em meio tudo isso ela conhece duas pessoas, Nick um garoto lindo, praticamente um modelo.


E o personagem mais carismático de todos os tempos. Wilbur é um caça talentos, e representante da Infinity Models, uma grande agência de modelos onde Nick trabalha. Wilbur a descobre e exige que ela faça algumas fotos, ali mesmo, e ela... aceita. Mesmo sem entender e mesmo sem nunca ter se importado com moda, aliás, de todos os assuntos do mundo, moda é o único que ela não conhece, afinal são só roupas, certo?!

Seria a chance de Harriet recomeçar, construir uma nova vida e enfim ser "normal" e se encaixar não só no meio de seus colegas de escola, mas também de seguir os padrões de beleza e nas atitudes que a sociedade impõe para ela. O problema é que ser modelo é o sonho de Nat e além dela, ela teria que convencer sua madrasta Annabel, que a criou desde pequena e sempre almejou para Harriet o melhor e uma vida focada nos estudos, o mundo da moda seria apenas perca de tempo.

No meio desse impasse, Harriet se descobre como um prodígio da moda, ela tem a beleza que ela jamais imaginou que possuía e despertou a atenção até da personificação da moda em pessoa, Yuka Ito. Para ir atrás dessa oportunidade Harriet terá que lidar com as dificuldades de socializar com pessoas totalmente diferentes dela e também mentir para pessoas que ama e com certeza lidar com as consequências disso depois.


Os personagens, todos eles, são presentes e totalmente envolvidos na história, todos tem sua importância. Eu destaco principalmente dois deles, o pai de Harriet, Richard que é o pai mais surtado que já conheci, mas principalmente mais parceiro e amigo de sua filha e com certeza o excêntrico Wilbur e todas as variações de apelidos que ele dá a Harriet, só estes dois nos rende boas risadas.

A trama é tão envolvente e divertida que apesar de existir um romance no livro, isso fica totalmente em segundo plano, a autora soube construir um bom enredo sem precisar recorrer ao obvio e eu adorei isso. Mesmo assim não deixei de me encantar e achar fofa a construção deste casal que cresce de forma natural ao longo da leitura.

Eu adorei a leitura do livro, foi rápida e leve. É impossível não terminar a leitura e não querer saber mais, mesmo que neste primeiro volume tenha um final fechadinho. Os capítulos são bem curtinhos o que facilita ainda mais a leitura, dentro deles dá para notar o capricho da editora com o livro, a capa e as páginas são decoradas com várias fórmulas matemáticas e mini óculos nerds, eu me encantei com data detalhe. 


A autora trouxe muitas coisas de sua vida real para o livro, ela viveu praticamente as mesmas experiências de Harriet e resolveu colocar tudo o que ela viveu em Geek Girl, contando suas dificuldades e aventuras, todo o relato que uma modelo novata passa e inexperiente, e a propósito, a autora é linda viu?! Este envolvimento dela com a história me agradou demais. Inclusive, o próximo livro Geek Girl - Desastre Fashion terá como cenário o Japão, pais onde a autora morou por alguns anos.

Ler Geek Girl foi uma grata e agradável surpresa, é um livro para passar o tempo da melhor maneira possível, uma leitura gostosa e leve de se fazer. Junto de Harriet você vai se encantar, vai aprender com seus erros, vibrar com seus acertos, descobrir novas amizades, saber lidar com outras, e o principal, não deixar de ser quem realmente é, e do que gostamos apenas para satisfazer aquilo que os outros esperam de nós. Devemos mudar por nós mesmos! É um livro de aceitação e também de mudanças, tudo depende do que buscamos.

31 comentários

  1. Acho que dá um sabor especial para a leitura quando o escritor coloca um pouco de si no personagem!
    Já tinha ouvido o nome desse livro por ai, mas nada mais que isso.
    E agora conhecendo melhor a estória fiquei interessada em lê-lo.

    Beeijos Joi!! :)

    ooutroladodaraposa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Rai, saber que algumas daquelas situações poderiam ser reais é outra coisa ^^

      Excluir
  2. Oi Joi, tudo bom? Adorei a resenha, como sempre.
    Geek girl não é o tipo de livro que costumo ler, mas acho que leria de boas. Adoro quando sou surpreendida por leituras leves e gostosas, como tu disse que foi nesse caso. E é realmente otimo quando os personagens tem um papel fundamental na história, não estão ali só para encher linguiça, né?
    Beijos,
    http://www.entreleitores.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Jess, personagens aleatórios eu to fora hahaha

      Excluir
  3. Oie,
    já ouvi falar muito deste livro e ele parece ser muito divertido.
    Tenho muita curiosidade de conhecer

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi querida,
    Não estava dando muito por esse livro mas depois de ler sua resenha fiquei animada em conhecer essa história pois acho que vou me identificar muito também.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma história bem levinha Raquel, ideal para entreter ^^

      Excluir
  5. Oi Joi, tudo bom?
    Nerd de carteirinha aqui também hahah. Gosto muito de livros com o tema Geek parece que eu estou lendo sobre mim mesma em um livro. Ótima Resenha!
    Beijos,

    Paula Santos-http://leitoraneurotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Joi,
    Já tinha visto alguns livros nesse temática geek, mas ainda não tinha lido nenhum xD
    Acho que vou começar por esse. Uma geek que se torna modelo, parece uma fórmula para risadas =]

    Bjs =**

    http://julicronicas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem bacana Juli! Acredito que vai adorar e dar mta risada com ele =)

      Excluir
  7. Amiga olha eu ainda não tive a oportunidade de fazer a leitura de ambos os livros da Fundamento, mas quero muito ler. A Agatha resenhou e disse que é muito bom. E pela sua resenha fiquei ainda mais interessada, porque é um gênero que costumo realmente gostar sabe? Espero poder ter a chance de fazer a leitura assim que puder =]

    Parabéns pela resenha. Ficou muito Show!

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/07/resenha-uma-saga-na-toscana.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei como é Sil, e depois que a resenha vai ao ar no blog fica ainda mais difícil de ler né?! hahaha

      Bjs!

      Excluir
  8. Oi Joi!
    Com o sistema da sociedade que vivemos hoje fica um pouco difícil imaginar uma geek-modelo. Não sei se concorda comigo, mas fica um pouco difícil.
    Vi esses dias um documentário e um vídeo falando da "vida secreta dos artistas". A maioria de outros países e o que eles fazem fora do cenário do cinema é incrível, então creio que esse tipo de pensamento fechado, olhando só pela janela, está mudando. E, pelo que parece, é um pouco mostrado nesse livro.
    Abraços!
    Blog Saphy | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não acho dificil Divana, como disse na minha resenha vi muito de mim na personagem, pois já fui modelo e sou uma geek então.. acho que a autora conseguiu atingir o objetivo do livro :) não escrevendo nada de irreal!

      Excluir
  9. Oi Joi

    Meu que coisa mais linda seu novo layout amei ficou muito lindo ;)

    Não sei se leria este livro pois não sou nada geek e acho que não iria entender muitas coisas rsrs mas acho que daria uma chance para a leitura para saber se faz meu gosto ou não!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dressa, vindo de você, fico até boba! o teu blog é lindoooo!

      Excluir
  10. Olá joi,
    Nunca me interessei muito por esse livro, tenho nada de geek e normalmente fazem referências a coisa que nem sei de onde sairam kk ae tenho que apelar pro namorado rsrs mas gostei muito da resenha, talvez der uma chance..
    Beijos flor
    edna

    Dna Bookz / Fan page / Instagram  / Twitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Edna, aqui naõ tem muita referencias do mundo geek, apenas a personagem mesmo ^^ é bem facilzinho de ler!

      Excluir
  11. Eu amo a editora fundamento, é uma das minhas editoras preferidas, eles sempre lançam livros leves e rapidos de ler, mas que se torna impossivel não gostar. Eu acho que não tenho muito jeito geek :) , mas pretendo ler o livro e acho que irei gostar, a resenha ficou otima e adorei a capa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a cada dia ando me interessando mais nos títulos da editora!

      Excluir
  12. Ainda não li nada sobre o tema geek, mas gostei muito desta história, personagens fortes e divertidos, um livro que iria para a minha lista de leitura com certeza, adorei a dica.

    ResponderExcluir
  13. Nossa adorei sua resenha e a capa do livro é muito linda! A premissa e sua empolgação com a história me contagiaram a ficar mais curiosa ainda haha parece ser um livro bem divertido e leve. Nunca li nada sobre o tema geek, mas esse livro séria um bom começo (;
    Abraços;
    http://madrugadadeleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que é um começo ideal tbm Fran! Vai fundo!

      Excluir
  14. Oi Joi, tudo bem?
    Tenho muita curiosidade em ler Geek Girl e eu devo dizer que adorei a nova capa do liro, achei a primeira tão sem graça sabe rs. Enfim, fiquei bem curiosa com os pontos que você abordou, não sabia que a autora tinha usado momentos vividos para formar a estória. E fiquei mais curiosa ainda pelo segunda volume ser ambientado no Japão. Já quero!

    Beijinhos,
    Andy - http://www.starbooks.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Andy, a editora voltou atras e relançou com a capa original =D

      Excluir
  15. Sua resenha me deixou bastante curiosa pra conhecer melhor esse livro, pois já ouvi falar sobre ele mas nunca me aprofundei na história.
    Beijinhos!!!

    ResponderExcluir
  16. Eu ainda não li nenhum livro com a temática geek, mas estou com muita vontade. Ainda mais esse. Eu ainda não sabia que é uma série, pensei que era apenas um mesmo. Ainda assim quero muito ler. E depois de tantos elogios mais ainda, ha, ha.

    Inquietudes Secretas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Liih, super indico a leitura, é um ótimo começo! Bjs

      Excluir
  17. Oi, tudo bem?

    Essa série está na minha lista de leitura, acho que vou adorar. Parece ser bem engraçadinha e adorei que mudaram as capas, pois achei as novas muito mais bonitas.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim as originais são muito mais lindas e atraem muito mais o publico mais novo =D

      Excluir