Resenha: O Acordo

Título Original: The Deal - Off Campus #01
Autora: Elle Kennedy
Ano: 2016
Editora: Paralela
Páginas: 360
Compre aqui

♥ livro cedido em parceria com a editora.

O livro conta a estória de Hannah. Ela é uma garota esforçada que está se matando na faculdade. Enquanto isso, seus pais, tentam segurar as pontas pagando um segundo financiamento da casa após ficarem quase sem dinheiro por terem gastado tanto com advogados.

O caso é que quando Hannah tinha quinze anos ela passou por um momento bastante traumatizante e esse horror deixou marcas profundas, tanto em sua mente, quanto nas finanças de sua família. Mas ela está tentando superar a situação e se formar na faculdade para finalmente poder ajudar os pais financeiramente.

É quando ela conhece Garrett, um jogador de hóquei que, para manter sua média na aula de ética, insiste que Hannah (a única pessoa na turma a tirar dez na prova) o ajude com aulas particulares, mas Hannah não está nem um pouco interessada em perder seu valioso tempo com um jogador de hóquei bruto. Porém Garrett oferece um acordo bem difícil de recusar.

Solicitei esse livro porque amo romances, ainda mais quando os personagens já estão na faculdade e são um pouco mais velhos, então claro não resisti quando li a sinopse desse livro! A autora me conquistou desde o início, por isso acho que conclui a leitura em dois ou três dias. Não queria largar enquanto não terminasse, isso porque Hannah e Garrett têm muita química e acompanhar a estória dos dois foi muito prazeroso!

Darklove | Morrer de Amores é com a gente!

Olá pessoas!
Hoje vim falar sobre um dos nossos amores mais queridos aqui do Estante, o selo Darklove da Darkside Books. Muita gente (mas muita mesmo!), ainda acha que a editora só lança livros inteiramente de terror, thrillers, fantasia e afins, mas hoje caros amigos, venho aqui para dizer que não.


A Darklove é um selo que ensaiava seu nascimento em 2013, com o lançamento de O Circo Mecânico Tresoulti ainda em brochura. A partir dai, surgiu a ideia de lançar livros que somassem mais sensibilidade naquilo que já estávamos acostumados a ver pela editora. É um selo pensado especialmente para corações românticos e valentes, pois o amor é sobrenatural e acontece quando você menos espera, não é mesmo?

Todos os livros do selo são escritos por autoras, mulheres incríveis, talentosas e que exploram culturas e até épocas diferentes da nossa. Pela Darklove você poderá viajar por um mundo steampunk, por tradições orientais, histórias que envolvem o sobrenatural, histórias cheias de magia, amizades imbatíveis e muita fantasia. Digo até que podemos mergulhar nas profundezas da psique humana. E apesar de ser uma linha escrita por mulheres, de maneira alguma ela é exclusiva para elas! A Caveira mais adorada do Brasil tem livro para todos os gostos!



Desta forma, vou apresentar para vocês seis dessas autoras incríveis e seus filhos amados, que sairam por aqui.

Lançamentos: Editora Gente e Única

Título: Guerreiros não nascem prontos
Autor: José Luiz Tejon
ISBN:  978-85-452-0054-3 
Páginas: 192
Este livro fala de lutas. Lutas que nos servem de exemplo, que nos ensinam estratégias. Lutas que mostram que não é fácil correr atrás daquilo que queremos. Mas nunca devemos nos ajoelhar perante o destino porque essa é, nas palavras de José Luiz Tejon, “a essência da alma forjada na têmpera forte dos grandes guerreiros”. Em Guerreiros não nascem prontos, Tejon leva ao leitor palavras inspiradoras, mostrando que o caminho para a realização não chega sem obstáculos. Tejon despertará o guerreiro em você, ajudando-o a fazer escolhas inteligentes, alinhadas com os valores da sua vida.

Título: Motivos para Sorrir
Autores: Manoela Antelo e Luan Novitt 
ISBN: 978-85-67028-92-7 
Páginas: 128
Se você já é fã do canal Manoela Antelo ou do Luan Novitt este livro é para você. Mas se você ainda não conhece os dois, acredite: este livro também é para você. Acostumados a dividir a vida com seus seguidores, Manu e Biri (como os dois se chamam) sabem o poder de um sorriso: conquistaram o Brasil fazendo milhares de pessoas sorrirem todos os dias com vídeos leves, engraçados e sinceros. Muito mais que tio e sobrinha, os dois são melhores amigos e parceiros para qualquer aventura. Este livro é para todos aqueles que acreditam na força da amizade, na união, no sentimento único de ter alguém com quem contar em todos os momentos. Encontre aqui as melhores histórias de Manu e Biri e se surpreenda, pois assim como eles, você também vai ter muitos motivos para sorrir ao fechar este livro.

Folheando sobre o problema dos novos blogueiros


Depois de quase três anos no meio literário, depois de criar um ritmo bom de postagens aqui no blog, e depois de, finalmente, iniciar o nosso canal (já se inscreveu?) Agora, como uma (quase) veterana, posso ver melhor o outro lado. 

Antes eu era a novata, e quando cheguei fui abraçada por muitos blogueiros, muitos que ainda mantenho uma forte amizade. Atualmente eu consigo ver muitos blogueiros começando, outros dando um tempo, diminuindo o ritmo, e outros, até parando. Eu acredito que isso faça parte, como qualquer atividade, e isso age como um ponto positivo para a renovação de opiniões na literatura.

O problema de "alguns" desses novos blogueiros (e isso eu foi enfatizar bem, pois muita gente faltou na aula de interpretação de texto), é que estes novos blogueiros já começam errado. Começam pelas motivações erradas e é isso que causa a irritação de quem já está, há anos, fazendo isso. O querer para ontem, resultados que, às vezes, demoram para se conseguir (e eu não falo apenas de parcerias com editoras).

Resenha: Esperando por Doggo

Título Original: Waiting for Doggo
Autor: Mark B. Mills
Ano: 2015
Editora: Novo Conceito
Páginas: 224
Compre aqui

♥ livro cedido em parceria com a editora.

Assim que recebi Esperando por Doggo eu logo fiquei com um pé atrás. Eu simplesmente me nego a ler livros que tenham bichinhos como protagonistas. Eu tive uma péssima experiência com Marley e Eu e Sempre ao Seu Lado. De alguma forma os bichinhos sempre me comovem mais do que as próprias pessoas. Porém, ao julgar este livro acabei cometendo um grande erro. A parte boa disso é que agora posso me remediar com esta resenha.

Ao contrário do que imaginei, Esperando por Doggo não tem nada de drama (dependendo do seu senso de humor), morte ou afins, eu já vou dizer isso logo no começo para encorajar pessoas assim como eu. Pelo contrário, o livro é uma comédia, é fofo e encantador. Teremos como protagonista Daniel, um publicitário que conseguiu um novo emprego. A parte ruim dessa história é que sua namorada de quatro anos, Sara, resolveu deixa-lo, deixando apenas uma carta. Além do rompimento, a carta dava instruções que Dan devolvesse o cachorrinho ao abrigo da onde ela havia o adotado. 

A adoção do cachorrinho na realidade foi uma última tentativa de Sara para resgatar seu relacionamento, mas não deu certo, o cachorrinho mal recebeu um nome e acabou sendo chamado por apenas por Doggo, apenas mudaram um pouco a pronuncia de cachorro em inglês que é "Dog". Sozinho e agora acompanho pelo olhar de um cachorro que ele nem queria de início, Daniel não pensa duas vezes em devolver Doggo.

Resenha: A Garota do Calendário - Janeiro

Título Original: Calendar Girl: January
Autora: Audrey Carlan
Ano: 2016
Editora: Verus Editora
Páginas: 144
Compre aqui

A Garota do Calendário e nova aposta da editora Verus e a série será composta por 12 livros, sendo um para cada mês do ano. Mas fiquem tranquilos, a editora promete lançar todos os livros até o final do ano.  Eu tive a grata surpresa de receber a prova não antecipada do primeiro livro, que será lançado este mês, e hoje trago a resenha para vocês.

A nossa garota do calendário se chama Mia Saunders, e depois de ter seu pai prometido de morte por um ex namorado, Mia não vê outra alternativa a não ser procurar Tia Millie, ou melhor, Sra. Milan, e virar uma acompanhante de luxo. Durante 24 dias, Mia deve estar apresentável e a disposição de seu cliente. Ela deve acompanha-lo em eventos, jantares, ser o mais intima possível dele, mas tudo isso sem sexo. Se fazer seu trabalho direito e atuar quando necessário, ela garante 100 mil dólares. Claro, que se ela quiser e se rolar um envolvimento para isso, pode acontecer sexo e ela também leva mais por isso.

Como a dívida do seu pai é de 1 milhão de dólares, Mia tem que trabalhar durante um ano para conseguir quitar a dívida do pai e com isso ainda garante a faculdade de sua irmã mais nova. A cada livro vamos acompanhar a jornada de Mia com um de seus clientes e no mês de janeiro, além de sermos ambientados por todo seu drama e entender como funciona seu novo trabalho, conheceremos Wes, um roteirista de cinema renomado.

Resenha: Menina Má

Título Original: The Bad Seed
Autor: William March
Ano: 2016
Editora: Darkside
Páginas: 272
Compre aqui

♥ livro cedido em parceria com a editora.

O livro escrito por William March, original de 1954 e que ganhou sua adaptação cinematográfica em 56, ganha uma nova e belíssima edição pela editora DarkSide. Menina Má é um lançamento de maio e nele conheceremos Rhonda Penmark. Rhonda é uma criança de 8 anos de idade, é uma menina adorável, bem-educada e essencialmente encantadora aos olhos de quem vê.

Sua família é nova na cidade, seu pai é um militar que está sempre em viagens, e sua mãe, Christine, é uma dona de casa, dedicada, e principalmente, bondosa com a filha. Logo no começo do livro vamos conhecer o desejo da menina em ganhar a medalha de melhor caligrafia de sua turma. Rhoda se esforça para isso, mas quem acaba levando o prêmio, é seu colega Claude Daigle. Isso é o suficiente para que Rhoda comece a perseguir o menino e crie uma obsessão pela medalha que segunda ela, seria dela por direito.

A cidade entra em choque quando um acidente acontece na excursão anual das Irmãs Fern, proprietárias da escola que Rhoda frequenta. Claude havia sido encontrado morto em um velho cais. Obviamente que todos os moradores se envolvem com o caso e se solidarizam com a família Daigle. Christine como boa mãe que é, está preocupada com a filha que, tão jovem, tinha presenciado de perto uma lamentável tragédia. Assim ela tentou explicar para Rhoda o que tinha acontecido.